• Compartilhar no Facebook Compartilhar no Twitter Compartilhar no Google Plus Enviar por whatsapp Enviar por e-mail Mais
Delação Filha de Silvio Santos participou de jantar sobre propina, diz diretor da JBS Patrícia Abravanel acompanhava o deputado Fábio Faria, de quem era noiva, segundo vídeo de Ricardo Saud

Por: Viver/Diario - Diario de Pernambuco

Publicado em: 20/05/2017 21:34 Atualizado em: 21/05/2017 08:21

Filha número 4 de Silvio Santos é apresentadora. Foto: Lourival Ribeiro/SBT
Filha número 4 de Silvio Santos é apresentadora. Foto: Lourival Ribeiro/SBT


O diretor da JBS Ricardo Saud afirmou que a apresentadora Patrícia Abravanel, filha de Silvio Santos, teria participado um jantar no qual foram negociadas propinas de apoio à candidatura de Robinson Faria (PSD) a governador do Rio Grande do Norte, em 2014. Ele foi eleito no segundo turno, com 54,42% dos votos válidos (877.268) contra 45,58% dos votos válidos (734.801) para Henrique Eduardo Alves (PMDB).

O político é pai do deputado Fábio Faria, de quem ela era noiva à época. Os dois se casaram no dia 29 de abril, em cerimônia em São Paulo. O encontro, de acordo com Saud, teria sido na casa de Joesley Batista, um dos donos da empresa, que fez declarações sobre os esquemas de corrupção praticados pela JBS envolvendo o presidente Michel Temer (PMDB) e o senador Aécio Neves (PSDB). 

"Foi um jantar muito elegante até. Foi o Fábio Faria com a noiva dele, a Patrícia Abravanel, filha do Silvio Santos. Foi o Robinson Faria com a esposa dele, nós todos com as esposas, tal, para tratar de propina. Até bacana, né? Todo mundo com as esposas", relata Saud, em tom descontraído, sobre o suposto encontro com participação da filha de número 4 do magnata do SBT, em um dos vídeos divulgados na sexta-feira. A condição para o apoio era a privatização das empresas de água e esgoto.

A reportagem tentou entrar em contato com a assessoria do SBT, mas não obteve sucesso. Após a divulgação do vídeo, Patrícia sofreu ataques de internautas nas redes sociais. "E eu achando que ela gostava do povo brasileiro", escreveu um perfil no Instagram. Em abril, ela também havia sido criticada devido à presença do marido na lista de pedidos de inquérito elaborada pelo ministro Edson Fachin, do Supremo Tribunal Federal. Ele é o relator da Lava Jato no STF.

A apresentadora Ticiana Villas Boas, esposa de Joesley Batista, tem sido xingada pelos usuários. Ela comanda a atração Duelo de mães, que estreou em 2013, no SBT. A emissora confirmou ao Viver que pretende exibir normalmente a atração, que terá 16 episódios até junho. A família viajou para os Estados Unidos após o acordo de delação premiada. 

Acompanhe o Viver no Facebook:




Os comentários abaixo não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.