• Compartilhar no Facebook Compartilhar no Twitter Compartilhar no Google Plus Enviar por whatsapp Enviar por e-mail Mais
Crítica Famous in love: Nem Bella Thorne salva a nova série da criadora de Pretty Little Liars Produção é uma verdadeira chuva de clichês sobre os bastidores de Hollywood

Por: Diogo Carvalho

Publicado em: 02/05/2017 20:42 Atualizado em: 03/05/2017 00:40

Nova produção mostra uma garota comum que se torna protagonista de uma grande produção de Hollywood. Créditos: Freeform/Divulgação
Nova produção mostra uma garota comum que se torna protagonista de uma grande produção de Hollywood. Créditos: Freeform/Divulgação


Marlene King ainda era uma produtora sem grande reconhecimento em Hollywood, em 2010, quando deu uma cartada de mestre como roteirista e showrunner de Pretty Little Liars - série baseada na saga literária criada por Sara Shepard, que se tornou um dos maiores sucessos entre o público adolescente nos últimos anos. Com sua galinha dos olhos de ouro prestes a se aposentar - a sétima e última temporada de PLL está prevista para acabar em 20 de junho -, já era de se imaginar que King viria com uma nova carta na manga. Eis que acabou surgindo o novo drama teen Famous in love.

Ao contrário de PLL, cuja trama empolgou o público desde o piloto, a nova série chegou à TV norte-americana no último dia 18 de abril apoiada de uma grande campanha de marketing, mas com baixos índices de audiência e quase nenhuma repercussão na internet. Nem o rosto de Bella Thorne - estrela do seriado Shake It Up (Disney Channel) e apontada como uma das novas queirinhas de Hollywood - consegue salvar esta produção repleta de clichês do gênero. Claro que clichês em romances teens são quase inevitáveis, mas não em proporções de tsunamis.

De fato, Bella é o melhor (e único) elemento bom na tela. Suportei os 10 episódios dessa primeira (e, provavelmente, única) temporada por causa dela. Não que a bela ruiva de 19 anos dê um show de atuação, mas ela faz parte daquele seleto grupo de artistas que esbanja empatia na tela (como Grazi Massafera no começo de carreira e Cameron Diaz até hoje). Famous in love é baseado na também série literária teen de mesmo nome, escrita por Rebecca Serle (que divide a produção executiva com King), e acompanha a história de Paige Townsen (Thorne), uma universitária que tem a vida virada pelo avesso ao ser selecionada para ser a protagonista de um novo blockbuster hollywoodiano.

Protagonista vivida por Bella precisa conciliar gravações com estudos na faculdade. Por que simplesmente não trancar o curso?
Protagonista vivida por Bella precisa conciliar gravações com estudos na faculdade. Por que simplesmente não trancar o curso?


O grande apelo ao mundo das celebridades é quebrado diante das situações para lá de óbvias do roteiro. Vamos ver Paige se estressando com o acesso dos paparazzi, batendo de frente com uma atriz metidinha, afastando-se dos amigos por causa de compromissos com o trabalho e caindo no típico triângulo amoroso das produções do gênero. Carter Jenkins, que interpreta Rainer, o galã da superprodução e um dos potenciais interesses amorosos da protagonista, tem o talento de um "cigano Igor" e usa e abusa da mesma expressão facial em todas as situações. Não dá para engolir que o cara é um artista digno de uma indicação ao Globo de Ouro.

O roteiro é tão previsível que toda vez que Paige marca um encontro com os amigos ou com os pais, sabemos que ela vai ter que acabar furando com eles por conta das gravações. É daquele nível que a gente pensa: "Sério que você vai marcar para ficar comendo pipoca e assistindo seriados em casa na noite de premiére de um grande filme? Oi?". Mas o mais inacreditável é ver a garota virando noites acordada para conciliar os estudos da faculdade e os textos para as gravações, quando a atitude mais lógica de qualquer ser humano seria simplesmente trancar o curso por um semestre, até que as filmagens acabassem.

As personagens que ainda renderiam algum drama interessante, como as divas de Hollywood que escondem um romance lésbico, não ganham profundidade e se perdem do meio para o fim da temporada. Famous in love teria até pano para a manga para algumas temporadas, mas infelizmente nem uma nova celebridade como Bella Thorne ou uma showrunner do calibre de Marlene King conseguiram salvá-la.

Famous in love ainda está em seu terceiro episódio na TV norte-americana, mas já pode ser encontrada na íntegra (legendada) em sites na internet.

DIVA 
Aos 19 anos, Bella Thorne é apontada como uma das grandes promessas na indústria cinematográfica da atualidade. Somente neste ano de 2017, ela estará presente em sete produções, entre elas o aguardado suspense A babá e o novo filme da série Amityville. Na TV, já participou de séries como The O.C., Os feiticeiros de Waverly Place, CSI e Boa sorte Charlie, mas ficou realmente conhecida ao estrelar Shake it up (Disney Channel). Convidada para protagonizar a série Scream (MTV), resolveu ficar com o papel de Nina Patterson, a primeira vítima do assassino mascarado, por achar o papel mais "icônico".

Os comentários abaixo não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.