• Compartilhar no Facebook Compartilhar no Twitter Compartilhar no Google Plus Enviar por whatsapp Enviar por e-mail Mais
Streaming Assista ao trailer de Laerte-se, primeiro documentário original brasileiro da Netflix Filme gira em torno da cartunista que descobriu a transexualidade aos 57 anos, após três casamentos

Por: Viver/Diario - Diario de Pernambuco

Publicado em: 02/05/2017 12:04 Atualizado em: 02/05/2017 12:08

O documentário tem como ponto de partida divagações de  Laerte em relação à própria vida. Foto: Netflix/Divulgação
O documentário tem como ponto de partida divagações de Laerte em relação à própria vida. Foto: Netflix/Divulgação

Nesta terça-feira (2), a Netflix divulgou o trailer de Laerte-se, o primeiro documentário original do serviço de streaming no Brasil. A obra gira em torno de Laerte, uma das mais conhecidas cartunistas brasileiras que se descobriu mulher aos 57 anos de idade, após três casamentos e três filhos. A previsão é de que o filme seja disponibilizado para o público no dia 19 na maio.

Confira os horários dos filmes em cartaz no Divirta-se

O projeto é produzido pela Tru3Lab em parceria com Eliane Brum, Lygia Barbosa da Silva e Alessandra Côrte, sendo essas duas últimas também diretoras executivas. De acordo com a Netflix, o documentário é "uma jornada introspectiva por dentro da mente de uma das personalidades mais criativas do Brasil" e tem como ponto de partida divagações de  Laerte em relação à própria vida, além de questionamentos envolvendo a estética do seu corpo.

Além de Laerte-se, uma série de novidades estreiam no catálogo do serviço no mês de maio. No dia 5, será lançada a nova temporada de Sense8 - com cenas gravadas no Brasil, em que surgem cartazes com frases de "fora, Temer" e "golpe nunca mais" -, além de novas levas de episódios das produções Unbreakable Kimmy Schmidt (dia 19), Master of none (dia 12), Arrow (dia 19), House of cards (dia 30), Bloodline (dia 29) e a estreia de Anne with an F (dia 12).

Assista ao trailer de Laerte-se:



Acompanhe o Viver no Facebook:



Os comentários abaixo não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.