• Compartilhar no Facebook Compartilhar no Twitter Compartilhar no Google Plus Enviar por whatsapp Enviar por e-mail Mais
Assédio Figurinista que acusou José Mayer de assédio é chamada para depor Segundo o delegado do caso, o depoimento de Susllem Tonani é essencial para decidir se o caso pode se tornar inquérito policial

Por: Estado de Minas

Publicado em: 10/04/2017 22:22 Atualizado em: 10/04/2017 21:12

José Mayer também pode ser chamado para prestar esclarecimentos. Foto: Globo/Divulgação
José Mayer também pode ser chamado para prestar esclarecimentos. Foto: Globo/Divulgação


A figurinista Susllem Tonani, que acusou o ator global José Mayer de assédio e abuso sexual, foi chamada para depor na 32ª DP (Taquara), na Zona Oeste do Rio, pelo delegado Rodolfo Waldeck, titular da unidade. As informações são do site O Globo. Susllem deve ser ouvida nos próximos dias e o seu depoimento é essencial para decidir se o caso pode se tornar um inquérito policial. "Já solicitamos a presença dela. Precisamos da representação da Susllem", disse o delegado à publicação.

Rodolfo ainda afirma que após ouvir a figurinista, José Mayer também pode ser chamado para prestar esclarecimentos. No dia 31 de março, a funcionária publicou um texto no blog #AgoraÉQueSãoElas, da Folha de S.Paulo, relatando detalhes dos episódios vividos nos bastidores da novela A lei do amor. A Rede Globo resolveu suspender o ator de novas produções dos Estúdios Globo por tempo indeterminado.

Por sua vez, Zé Mayer admitiu suas atitudes machistas e desrespeitosas em carta aberta enviada à revista Veja. Enquanto isso, atrizes, figurinistas e outras funcionárias da Globo se manifestaram em apoio à figurinista Susllem. Personalidades como Mônica Iozzi, Taís Araújo, Fernanda Lima, Cleo Pires, Drica Moraes e Camila Pitanga estão participando da campanha, cujo mote é "Mexeu com uma, mexeu com todas".

Acompanhe o Viver no Facebook:



Os comentários abaixo não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.