• Compartilhar no Facebook Compartilhar no Twitter Compartilhar no Google Plus Enviar por whatsapp Enviar por e-mail Mais
TV Após bronca de comentarista, Galvão pede desculpas: 'Eu errei. Fim do mimimi' "Tinha que estar calado na largada", reconheceu o narrador da Globo

Por: Viver/Diario - Diario de Pernambuco

Publicado em: 12/08/2016 11:57 Atualizado em: 12/08/2016 13:59

Galvão posta foto ao lado da equipe da BBC no parque olímpico. Foto: Reprodução/Instagram
Galvão posta foto ao lado da equipe da BBC no parque olímpico. Foto: Reprodução/Instagram

Após levar bronca do comentarista da BBC durante a prova de natação na Olimpíada, Galvão Bueno pede desculpas nas redes sociais postando uma foto com o profissional da TV britânica. "É que meu som vazou no microfone dele e reclamaram. Eu errei. Tinha que estar calado na largada. Fim do mimimi", escreveu o narrador da Globo.

Galvão Bueno estava falando alto no momento em que o silêncio era essencial para a concentração dos atletas. "É muito, muito barulho no estádio. E muito barulho vindo aqui de perto de mim. Este comentarista precisa calar a boca no começo da prova. Desculpem. Neste momento, por exemplo: todo mundo está quieto, mas ele não", diz o comentarista da BBC. A juíza atrasou o início da prova pelo barulho no local.

Não é a primeira polêmica envolvendo o narrador da Globo nos Jogos Olímpicos Rio 2016. Galvão apareceu nos principais comentários do Twitter por criticar o desempenho de Neymar em jogo da seleção brasileira masculina e compará-lo com Marta, atacante da equipe feminina. E ainda pela empolgação durante as provas do nadador dos Estados Unidos Michael Phelps.

Confira a postagem na íntegra:

"Pra quem tá com falta de pauta! Equipe da @redeGlobo e @BBC juntas. O careca é o campeão Olímpico em Seoul 1988 nos 100mts peito #AdrianMoorhouse. Companheiros de trabalho de outras olimpíadas. É que meu som vazou no microfone dele e reclamaram. Eu errei. Tinha que estar calado na largada. Fim do mimimi. #somostosdosolimpicos





Acompanhe o Viver no Facebook:


Os comentários abaixo não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.