• Compartilhar no Facebook Compartilhar no Twitter Compartilhar no Google Plus Enviar por whatsapp Enviar por e-mail Mais
TV Ao vivo, Maju responde aos comentários racistas: "os preconceituosos ladram, mas a caravana passa" Primeira repórter negra do tempo da TV Globo também agradeceu as mensagens de carinho na internet

Por: Viver/Diario - Diario de Pernambuco

Publicado em: 03/07/2015 21:00 Atualizado em: 03/07/2015 22:41

Postagem na página oficial do Facebook do Jornal Nacional com foto de Maju Coutinho foi alvo de comentários racistas. Foto: Reprodução/Facebook
Postagem na página oficial do Facebook do Jornal Nacional com foto de Maju Coutinho foi alvo de comentários racistas. Foto: Reprodução/Facebook
Vítima de racismo nesta sexta-feira, a repórter do tempo do Jornal Nacional, Maria Julia Coutinho, apelidada de Maju, falou sobre as frases de ódio compartilhadas na página oficial do programa jornalístico. "Claro que fico indignada, triste, mas não esmoreço", disse. Ela declarou que já sofreu muito preconceito e que a família sempre a apoiou.

Durante a manhã, após uma postagem sobre a previsão do tempo, alguns internautas escreveram mensagens racistas. "Só conseguiu emprego no Jornal Nacional por causa das cotas. Preta imunda", disparou um internauta. "Não tenho TV colorida para ficar olhando essa preta não", escreveu outro.

Maju aproveitou para agradecer aos internautas que a apoiaram e ainda disparou contra os que escreveram comentários racistas. "Os preconceituosos ladram, mas a caravana passa", afirmou, com bom humor.

A polêmica foi levantada pelos apresentadores Willian Bonner e Renata Vasconcelos, que já haviam se manifestado, junto com a equipe de jornalismo da emissora, através de um vídeo na internet. Eles ressaltaram que a Globo espera que os criminosos sejam punidos.

Os comentários abaixo não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.