Carnaval Blocos levam combate à violência contra a mulher para a folia

Publicado em: 25/02/2019 11:46 Atualizado em: 25/02/2019 12:17

Crédito: Paulista/Divulgação
Crédito: Paulista/Divulgação

“Não tem desculpa, meu bem. Não tem resenha. Xingou... Bateu... é PENHA”. É com esse refrão que o bloco carnavalesco criado Secretaria Executiva de Políticas para as Mulheres do Paulista desfila nesta quarta-feira (27), às 14h, pelo Centro do município. A agremiação, intitulada “Xingou... Bateu... é PENHA”, vai aproveitar o movimento da principal via do comercio da cidade, a Rua Siqueira Campos, para alertar a população sobre a importância do enfrentamento à violência contra o público feminino, principalmente, durante o Carnaval, quando a incidência de ocorrências aumenta.

Esse é o segundo ano que “Xingou... Bateu... é PENHA” ganha às ruas com muita alegria e descontração. Durante o desfile do bloco, orquestras de frevo vão animar o público, enquanto são distribuídos panfletos com orientações e informações relevantes sobre os serviços de proteção e apoio oferecidos às vitimas de violência.

Nesta quarta-feira (27), a partir das 16h, o Bloco Não me Kahlo desfila em Arcoverde também com a bandeira de combate à violência contra as mulheres. A concentração acontece em frente da Estação de Cultura. O bloco, realizado pela Coordenadoria da Mulher da Prefeitura de Arcoverde, vai levar muito frevo, maracatu e samba de coco para a avenida e também homenagear Dona Severina Lopes, do Coco das Irmãs Lopes, como guerreira da cultura.

Está confirmada a presença do Maracatu Baque Mulher e do Samba de Coco Irmãs Lopes. Este é o terceiro ano consecutivo da Campanha Carnaval Sem Assédio, que faz parte da luta.
 
SERVIÇO:
O que – Desfile do bloco de Mulheres Anárquico Legalistas Xingou... Bateu... É PENHA!;
Quando – Nesta quarta-feira (27), às 14h.
Onde – Rua Siqueira Campos, Centro do Paulista. 


Os comentários abaixo não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.