CARNAVAL Bloco do Miolinho Mole visita hospitais do Recife

Publicado em: 25/02/2019 09:09 Atualizado em: 25/02/2019 09:22

Visitas começam nesta segunda, no Hospital da Restauração. Foto: Camila Silva
Visitas começam nesta segunda, no Hospital da Restauração. Foto: Camila Silva

A costumeira "injeção de ânimo" que os Doutores da Alegria costumam levar, rotineiramente, aos seus pacientes, também serão "aplicadas" no Carnaval. Em 2019, homenageando, agremiações tradicionais da folia pernambucana nos cinco hospitais atendidos o ano inteiro pelos palhaços e também nas ruas do Bairro do Recife. Desta segunda até a próxima quinta (28), o Bloco do Miolinho Mole visita os Hospitais da Restauração (hoje, 25), no Derby; Oswaldo Cruz/Procape (26), em Santo Amaro; Imip (27), nos Coelhos e Barão de Lucena (28), na Iputinga. 

Esta é a 13ª edição do Bloco do Miolinho Mole, que contará com a participação de 11 palhaços no cortejo. "Quando falamos do Carnaval no nosso estado, como não lembrar do Galo da Madrugada? Do Homem da Meia-Noite? Ou do Bloco da Saudade? Vamos levá-los aos hospitais por meio das fantasias dos palhaços", explica Arilson Lopes, coordenador artístico da unidade Recife dos Doutores da Alegria, conhecido nos hospitais como Dr. Ado.

A homenagem às agremiações tradicionais acontecerá da seguinte forma: Dr. Eu_Zébio (Fábio Caio), promete montar para os hospitais um belo Galo da Madrugada; Dr. Marmelo (Marcelo Oliveira) exala o perfume das flores, homenageando o Bloco das Flores, fundado em 1920. Dra. Baju (Juliana de Almeida) celebra o Clube Vassourinhas do Recife. Dr. Lui (Luciano Pontes) homenageia o Eu Acho é Pouco, criado na época da Ditadura Militar. O repertório do cortejo, tocado ao vivo pelos palhaços,inclui frevos e marchinhas conhecidos por todos, em versões adaptadas. 
 
Bloco do Miolo Mole -  Os Doutores da Alegria também celebram o carnaval com o público em geral no dia 28, na Rua da Moeda, em frente à Casa da Moeda Bar & Comedoria. Em sua 16ª edição, o bloco segue pelas ruas do Bairro, sob o comando do frevo da Orquestra Backstage. Nestes ano, a baliza Miolo Mole é Fátima Pontes, que coordena a área executiva e artística da Escola Pernambucana de Circo (EPC) há 20 anos. A ONG é uma das instituições vinculadas à Rede Circo do Mundo/Brasil, sendo um dos Centros de Referência  a Formação em Circo Social. "Quando os Doutores da Alegria chegou ao Recife, há 15 anos, a Escola nos acolheu e ajudou no que foi possível. Tivemos, inclusive, alguns artistas do nosso elenco que foram da EPC", conta Arilson Lopes. Ano 

passado, o cargo de baliza foi do fundador do Doutores da Alegria, Wellington Nogueira. Nesta edição, os palhaços vão contar com o reforço de 50 idosos do Bloco Carnavalesco Se Meus Cabelos Brancos Falassem, do  programa Envelhecimento Criativo.
 
Agenda de apresentações:

26/02 -  Hospital Universitário Oswaldo Cruz e Procape
27/02 -  IMIP
28/02 - Hospital Barão de Lucena
28/02 - Concentração do Bloco do Miolo Mole na Rua da Moeda, em frente à Casa da Moeda Bar & Comedoria. Saída: 19h30
 
Doutores da Alegria - 

Doutores da Alegria é uma organização da sociedade civil sem fins lucrativos que introduziu a arte do palhaço no universo da saúde, intervindo junto a crianças, adolescentes, profissionais de saúde e outros públicos em situação de vulnerabilidade e risco social em hospitais públicos. A partir das intervenções em São Paulo e Recife, a associação amplia canais de diálogos reflexivos com a sociedade, compartilhando o conhecimento através de formação, pesquisa, publicações e manifestações artísticas, contribuindo para a promoção da cultura e da saúde e inspirando políticas públicas e democráticas para o desenvolvimento social sustentável. Já realizou mais de 
um milhão e setecentas mil visitas desde 1991, ano em que o ator Wellington Nogueira criou a associação. 
 
Como ajudar na manutenção da associação Doutores da Alegria -
 
O trabalho da associação Doutores da Alegria, gratuito para os hospitais, é mantido por doações de empresas e de pessoas físicas, tanto por recursos próprios quanto por recursos advindos por meio das leis de incentivo fiscal. Quem quiser ajudar o trabalho da associação Doutores da Alegria pode entrar no 

site www.doutoresdaalegria.org.br e em facebook.com/doutores.


Os comentários abaixo não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.