Folia de Momo Movimento pró-criança faz alerta contra trabalho infantil no Carnaval

Publicado em: 18/02/2019 16:45 Atualizado em: 18/02/2019 16:47

Crédito: Divulgação
Crédito: Divulgação

A duas semanas da data oficial das festividades de Momo, a Unidade Coelhos do Movimento Pró-criança inicia nesta segunda-feira uma série de atividades com foco na prevenção ao trabalho infantil. Haverá oficinas, aulas e palestras. De acordo com dados do Departamento de Ouvidoria Nacional dos Direitos Humanos do Governo Federal, no período do Carnaval o órgão recebe cerca de 15 mil denúncias relacionadas à exploração do trabalho infantil. Essa realidade também é observada pelo setor psicossocial do Pró-Criança.

“Muitos pais e responsáveis aproveitam o Carnaval para conseguir alguma renda com trabalhos informais e acabam levando as crianças. Algumas vezes é por necessidade, mas criança tem que brincar e não trabalhar”, afirmou a assistente social da Unidade Coelhos do Pró-Criança, Betânia Miranda.

O tema do combate ao trabalho infantil será apresentado aos educandos por meio de palestras e vídeos. As crianças ainda confeccionarão cartazes sobre o assunto, e as peças farão parte do desfile do bloco “Pitando o 7”, que desfila no próximo dia 27, nos Coelhos. Esta será a segunda edição do “Bloco Pintando o 7”. Fantasiados, os jovens do Pró-Criança prometem levar muita alegria e consciência social aos moradores e comerciantes do bairro.

O desfile do Bloco Pintando o 7 começará às 9h30, saindo da Unidade Coelhos da ONG, que fica em frente ao Imip, seguindo em direção à Praça Matarazzo.

Identidade Cultural

O pré-Carnaval no Pró-Criança também é um período de promoção da educação e da formação cultural dos meninos e meninas atendidos pela ONG. Na aula de artes, por exemplo, os beneficiários serão apresentados às histórias da cultura popular que ganham notoriedade nesta época do ano.

“Hoje eles fizeram fantoches de bumba-meu-boi com caixinhas de leite. Ao mesmo tempo em que aprendem a nossa cultura popular, desenvolvem as habilidades artísticas e a consciência socioambiental com o reaproveitamento de materiais recicláveis”, explicou a artista plástica e educadora do Pró-Criança, Micaela Alcântara.

Outras peças artísticas referentes a ritmos como frevo, maracatu e côco serão confeccionadas durante esta semana. As obras deverão compor uma exposição na última semana do mês.

Passeio

Atividades externas também fazem parte da programação de Carnaval da Unidade Coelhos. Na próxima quarta-feira (20), os alunos participarão de uma aula-visita ao Paço do Frevo. No local, eles poderão conhecer a história do ritmo tradicional da folia pernambucana.


Os comentários abaixo não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.