Unidade de saúde em Santo Amaro tem atendimento interrompido

Publicado em: 13/02/2019 20:48 Atualizado em: 13/02/2019 21:01

Paredes de unidade de saúde estão repletas de mofo. Foto: Rinaldo Junior/Divulgação.
Paredes de unidade de saúde estão repletas de mofo. Foto: Rinaldo Junior/Divulgação.
As fortes chuvas que caíram no Recife em Janeiro causaram estragos na Unidade de Saúde da Família Santo Amaro III, localizada na região central do Recife. A denúncia foi feita pelo vereador Rinaldo Junior (PRB). Segundo ele, uma inundação ocorrida no posto prejudicou o funcionamento da ala odontológica. Embora a unidade tenha sido “requalificada e entregue 
em agosto do ano passado", enfrenta o problema por falta de ajustes.

Segundo Rinaldo Junior, a interrupção do atendimento odontológico se deu após a sala de esterilização dessa ala ter sido interditada. Sofrendo com infiltrações, o local estaria repleto de mofo. "A sala do dentista está sem funcionar por conta das fortes chuvas que caíram 15 dias atrás. Por falta de manutenção, a sala inundou e o local de esterilização de materiais
foi interditado", ressaltou.

O vereador questionou ainda por que a unidade não estava preparada para a intempérie. A USF Santo Amaro III visa atender três mil e duzentas pessoas da região, cadastradas no atendimento. "A Prefeitura alugou esse imóvel por cerca de cinco anos, sem funcionamento. Após uma reforma que custou R$ 345 mil, foi entregue no dia 17 de agosto. Estamos em 11 de Fevereiro e já temos uma sala de esterilização parada por falta de condições de trabalho", afirmou o vereador.


Os comentários abaixo não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.