Mobilidade Impacto da volta às aulas no trânsito do Recife foi sentido nesta segunda

Por: Diario de Pernambuco

Publicado em: 04/02/2019 14:01 Atualizado em: 04/02/2019 15:02

Retorno às aulas traz de volta às ruas cerca de 250 mil veículos. Foto: Nando Chiappetta/DP.
Retorno às aulas traz de volta às ruas cerca de 250 mil veículos. Foto: Nando Chiappetta/DP.
O impacto da volta às aulas no trânsito do Recife foi sentido por motoristas, motociclistas, ciclistas e pedestres nesta segunda-feira (4). Na avaliação da Autarquia de Trânsito e Transporte Urbano (CTTU), que deu início nessa sexta-feira (1º) à Operação Volta às Aulas, este foi o primeiro dia em que foi possível perceber o acréscimo de 250 mil veículos na frota da cidade. Até o próximo dia 15, um efetivo de 80 agentes e orientadores de trânsito além de 30 arte-educadores auxiliam condutores e pedestres no período pós-férias escolares. Mesmo que as aulas em muitas escolas tenham começado nessa sexta, a maioria dos pais deixou para levar os filhos à escola apenas no início desta semana.

O servidor público Breno Freitas levou o filho, Rafael, 7, à nova escola pela primeira vez nesta segunda. Moradores do bairro da Torre, eles foram de carro até o colégio, no bairro das Graças, Zona Norte do Recife. "Viemos de carro pela manhã e tinha trânsito. Considero normal porque principalmente no primeiro dia, todos os pais querem levar os filhos. Na volta para casa, optamos por ir a pé", disse. Já a técnica em enfermagem Fabíola Batista optou por ir e voltar da escola da filha, Karen, 6, caminhando. "Moramos perto, então foi muito tranquilo chegar e sair", afirmou.

Estatísticas da CTTU apontam que, quando as aulas são retomadas, cerca de 250 mil veículos voltam às ruas. Com isso, a frota circulante no Recife pode chegar a mais de 1 milhão de veículos. Isso representa um aumento médio de 20 a 25%. Os números são obtidos a partir de contagens feitas pelos equipamentos eletrônicos implantados nos principais corredores de trânsito da cidade.

O servidor público Breno Freitas levou o filho, Rafael, 7, à nova escola pela primeira vez nesta segunda. Foto: Nando Chiappetta/DP.
O servidor público Breno Freitas levou o filho, Rafael, 7, à nova escola pela primeira vez nesta segunda. Foto: Nando Chiappetta/DP.
Para conscientizar pais, responsáveis e alunos, uma equipe de arte-educadores apresenta esquetes nas ruas. Eles promovem diálogos no entorno das escolas, com o intuito de fortalecer a responsabilidade no trânsito. Entre as vias com grande movimentação de estudantes que recebem a ação até o dia 15 deste mês estão as avenidas Rui Barbosa, João de Barros, Norte, Conselheiro Aguiar, Visconde de Jequitinhonha, Doutor José Rufino e as ruas Paissandú e Dom Bosco. 

Leia Mais:

Futuro das cidades depende do deslocamento das crianças

> Ano letivo das escolas estaduais começa nesta segunda-feira

Pais ou responsáveis que não obedecerem à sinalização e às regras do Código de Trânsito Brasileiro (CTB) podem ser multados nos arredores dos colégios e precisam estar atentos. Estacionar em fila dupla, sobre faixa de pedestre ou em desacordo com a sinalização regulamentada na via são infrações graves, com multa de R$ 195,23 e cinco pontos na Carteira Nacional de Habilitação (CNH). Além disso, o condutor corre o risco de ter o veículo apreendido. "Essas são as infrações mais cometidas nesse período, principalmente pelos pais que estão levando os filhos à escola pela primeira vez. Eles devem estar atentos, pois a fiscalização será intensificada", alertou o coordenador do Programa municipal de Educação para o Trânsito da CTTU, Francisco Irineu.  

Volta às aulas

As atividades na rede estadual de ensino tiveram início nesta segunda. Já a rede municipal do Recife recebe os alunos nesta terça-feira (5). Em Jaboatão dos Guararapes, o primeiro semestre de aulas começa na quarta (6). Na quinta-feira (7), é a vez de a rede municipal de Olinda dar as boas-vindas aos estudantes. Para o ensino superior, as atividades começam depois. As aulas do primeiro semestre de 2019 da Universidade Federal de Pernambuco (UFPE) terão início no dia 18 de fevereiro. O início das aulas da Universidade de Pernambuco (UPE) está marcado para 25 de fevereiro.

Transporte escolar

Nesse período de volta às aulas, a CTTU chamou a atenção também para a necessidade de observar com cuidado o transporte escolar que leva as crianças e os adolescentes às escolas."Estamos chamando a atenção também para a importância do transporte escolar regulamentado. É importante não só para o trânsito, mas principalmente para a segurança das crianças", pontua Irineu.

A punição para os condutores flagrados fazendo o transporte irregular é a apreensão do veículo e a aplicação de uma multa de R$ 4.672,20. Se, por um lado, a pena é árdua para os infratores, por outro, quem presta o serviço de forma regular têm benefícios. Desde a alteração da lei municipal 17.224, em 2007, os profissionais que renovam a permissão do transporte encontraram  taxas de recadastramento 50% mais baratas. Os autônomos também têm permissão para dirigir ônibus, prerrogativa antes só conferida a colégios.

Cuidado ao contratar um transporte escolar:

Para garantir a segurança dos filhos, os pais devem tomar cuidados na hora de contratar o serviço de transporte escolar. As principais dicas da CTTU são:

1. Verificar se o veículo e o prestador do serviço estão cadastrados na Autarquia de Trânsito e Transporte Urbano do Recife (CTTU)

2. Observar se o veículo possui o selo do Departamento de Trânsito de Pernambuco (Detran), cedido aos carros aprovados na vistoria semestral

3. Pedir referências sobre o motorista a outros pais e na escola

4. Analisar o comportamento do condutor no trânsito

5. Checar se as crianças transportadas estão sempre sentadas e com o cinto de segurança

6. Anotar o endereço e telefone do motorista e de seu auxiliar

7. Fazer um contrato com o prestador do serviço.

Fonte: CTTU


Os comentários abaixo não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.