animais silvestres Jacaré encontrado em lago e maltratado pela população em Jaboatão Quem for flagrado praticando maus-tratos a esses animais está sujeito a multa que varia de R$ 500 a R$ 5 mil

Publicado em: 08/01/2019 16:36 Atualizado em: 08/01/2019 18:27

O animal foi resgatado pela equipe da Secretaria Executiva de Meio Ambiente e Gestão Urbana (Semag). Foto: Divulgação
O animal foi resgatado pela equipe da Secretaria Executiva de Meio Ambiente e Gestão Urbana (Semag). Foto: Divulgação
Um jacaré-de-papo-amarelo foi encontrado, na tarde dessa segunda-feira (7), em um lago no Centro de Jaboatão dos Guararapes, Região Metropolitana do Recife. O animal é de uma espécie ameaçada de extinção e acabou sendo maltratado por parte da população que estava no local. Ele foi resgatado pela equipe da Secretaria Executiva de Meio Ambiente e Gestão Urbana (Semag) e precisou ser encaminhado para o Centro de Triagem de Animais Silvestres (Cetas) para tratamento.

Diante do caso, a Semag fez um alerta à população, caso se depare com animais ameaçados de extinção ou espécies silvestres. O órgão pediu para que, em situações semelhantes, os moradores da área entre em contato com instituições especializadas para que o resgate possa ser feito de forma correta para garantir a preservação do animal e a segurança da população. 

"Matar, perseguir ou capturar animais silvestres configura crime ambiental. Quem for flagrado praticando maus-tratos a esses animais está sujeito a multa que varia de R$ 500 a R$ 5 mil. Caso o animal esteja ameaçado de extinção, o valor pode dobrar", alertou o ambientalista da Semag, Adriano Artoni.


Os comentários abaixo não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.