Nesta segunda Carroceiros fazem protesto no centro Grupo questiona a lei que proíbe a circulação de veículos de tração animal

Por: Diario de Pernambuco

Publicado em: 17/12/2018 12:59 Atualizado em: 17/12/2018 15:00

Foto: Divulgação / CTTU
Foto: Divulgação / CTTU

O trânsito ficou complicado no centro do Recife nesta segunda-feira (17). Um protesto liderado por um grupo de carroceiros fechou a via em frente a sede da Prefeitura do Recife, no Cais do Apolo. Antes disso, os carroceiros passaram pela Praça do Derby, pelas avenidas Agamenon Magalhães e Carlos de Lima Cavalcanti e Avenida Conde da Boa Vista.

Agentes da Autarquia de Trânsito e Transporte Urbano do Recife (CTTU) estão acompanhando a movimentação, orientando os motoristas. O grupo protesta contra a lei que proíbe carroças movidas a tração animal do Recife, que está para ser regulamentada pela prefeitura por determinação do Tribunal de Justiça de Pernambuco (TJPE). No dia 21 de novembro, o TJPE determinou que a norma seja devidamente aplicada pela Prefeitura em até 60 dias.

Caso a determinação não seja cumprida, o TJPE determinou aplicação de multa de R$ 40 mil mensais à administração municipal. Também ficou definido a apreensão de todas as carroças com animais encontradas na cidade, garantindo uma indenização de R$ 5 mil para cada um de seus donos, além de um auxílio mensal de R$ 1,5 mil até eles conseguirem colocação no mercado de trabalho.


Os comentários abaixo não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.