Operação Fishing II Polícia prende grupo envolvido com roubos, assassinatos e tráfico de drogas As investigações tiveram início em maio passado. Em outubro, a polícia apreendeu 12 quilos de pasta base de cocaína que seriam comercializados em Boa Viagem

Por: Diario de Pernambuco

Publicado em: 06/12/2018 07:48 Atualizado em: 06/12/2018 07:55

Imagem: Polícia Civil/Divulgação
Imagem: Polícia Civil/Divulgação

A Polícia Civil de Pernambuco prendeu nesta quinta-feira (6) integrantes de uma quadrilha que atuava no tráfico de drogas na Zona Sul do Recife, também cometia roubos na Região Metropolitana e é suspeita de praticar assassinatos. Onze mandados de prisão, expedidos pela Vara Criminal da comarca de Olinda, estão sendo cumpridos. 

Batizada de Fishing II, a ação conta com a participção de 80 políciais civis, entre delegados, agentes e escrivães. As investigações tiveram início em maio passado, sob responsabilidade da Diretoria Integrada Especializada da Polícia Civil (Diresp), comandada pelo delegado João Paulo.

Em outubro, quando ocorreu a primeira fase da operação, outros 11 mandados de prisão foram emitidos, e a polícia conseguiu apreender 12 de quilos de pasta base de cocaína em Boa Viagem. Na ocasião, o delegado apontou que o grupo alvo traficava drogas, sobretudo, na divisa entre o Recife e Olinda.

Os integrantes residiam em Recife e em Olinda, mas comercializavam drogas em Boa Viagem. "Estamos investigando a participação de integrantes em homcidíos devido a disputa pelo tráfico em Boa Viagem", disse o chefe de Polícia, o delegado Joselito Kehrle do Amaral. 

Joselito infomou que a quadrilha também é suspeita de participar de um assalto ousada a um grande magazine no Recife, onde a polícia conseguiu recuperar 36 aparelhos celulares. "A organização atuava desde o roubo, associação para o tráfico e organização criminosa", disse. Até agora, foram cumpridos seis mandados de prisão de foragidos e dois mandados de integrantes do grupo que já estavam encarcerados. 


Os comentários abaixo não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.