religião Católicos do Nordeste viajam rumo à celebração da Obra de Maria Evento marca aniversário de 28 anos da entidade religiosa. Público estimado é de 50 mil pessoas

Por: Diario de Pernambuco

Publicado em: 03/11/2018 17:35 Atualizado em:

Evento católico deve reunir cerca de 50 mil pessoas na Arena de Pernambuco neste domingo (4) (Foto: Divulgação / Obra de Maria)
Evento católico deve reunir cerca de 50 mil pessoas na Arena de Pernambuco neste domingo (4) (Foto: Divulgação / Obra de Maria)


Não existe distância para a fé. Esse é o lema dos fiéis que irão percorrer centenas de quilômetros para chegar à Arena de Pernambuco, em São Lourenço da Mata, neste domingo (04), com o objetivo de acompanhar a grande celebração em comemoração aos 28 anos da Comunidade Obra de Maria. Devotos de Mossoró (RN), Juripiranga (PB), Pedras de Fogo (PB), João Pessoa (PB), Itabaiana (PB) e Lagarto (SE) organizaram caravanas para prestigiar o evento que chega ao seu quarto ano de realização no estádio. A festa planeja atrair um público de 50 mil pessoas e traz ao Recife as celebrações de nomes consolidados da música católica nacional, como os padres Marcelo Rossi e Reginaldo Manzotti, além da presença do pernambucano João Carlos e do paraibano Damião Silva.

A organização das caravanas fica por conta dos membros da Obra de Maria espalhados pelo Nordeste. No total, cerca de duas mil pessoas virão de outros estados para acompanhar o evento. Segundo a professora Vanúcia Maria de Santana, moradora de Juripiranga, o legado mais importante que o evento deixará é o da esperança. “Todos os anos eu vou em caravana para a Arena de Pernambuco. Meu maior objetivo é fazer com que as pessoas experimentem o amor de Deus. O mesmo que eu senti em todas as celebrações que já fui. Será uma festa linda e que irá preencher as almas de todos os presentes”, assegurou.

A técnica de enfermagem Joelma Maria da Silva, que está à frente da organização da caravana oriunda de Itabaiana, acredita que eventos como esse são um meio importante para trazer mais pessoas para o caminho da fé. “Acima de tudo, é um meio de evangelização. O legal mesmo é que a gente busca, com essas atividades, trazer mais pessoas para o caminho do bem. O evento é uma janela importante de encontro com Deus. Será um dia muito especial”, confessou.

Na Paraíba, a comunidade está ativa na realização da missa da graça, nos cenáculos, na evangelização das famílias e na elaboração de reuniões com a juventude, além de contribuir ativamente com as paróquias no âmbito da liturgia. A entidade também desenvolve ações sociais como doações, além de estimular as vigílias.

Vindo de Sergipe, o técnico em prótese odontológica Elenilson Cerqueira confessa a ansiedade, mas afirma que o mais importante será conhecer as ações da Obra de Maria. “Há alguns meses conheci Gilberto pessoalmente. Me apaixonei pela sua história de fé e resolvi ir para a celebração. Estou indo pela primeira vez para o Recife e comigo vão cerca de 90 pessoas. Minha maior ansiedade é para conhecer a sede da Obra de Maria, mas também estou muito empolgado para os shows. Tudo faz parte da maravilha de Deus no coração de cada sacerdote”, enalteceu.

Em Sergipe, a comunidade atua na assistência às famílias no âmbito espiritual e social. Cada família pode se cadastrar e receber a visita dos missionários uma vez por mês em sua residência. Sopões são organizados todos os meses pelos voluntários para serem distribuídos nas regiões que mais precisam de auxílio. Os voluntários também promovem aulas solidárias de instrumentos musicais como violão, teclado e flauta para crianças de comunidades carentes.

O evento começa às 13h, mas, já às 11h, os portões se abrem para a entrada do público. Na programação das nove horas de festa, além das apresentações dos padres, teremos a participação do arcebispo da Arquidiocese de Olinda e Recife, Dom Fernando Saburido; momentos de oração e louvor, além da presença do ministério da música da Obra de Maria.
Mobilidade
 
Um esquema de mobilidade foi montado para facilitar o transporte da população até o local da celebração. O público que desejar chegar à Arena de Pernambuco utilizando o sistema de ônibus deverá usar primeiro a linha Centro do Metrô e desembarcar na estação Cosme e Damião. Lá, a linha especial 047 – Cosme e Damião/Arena estará à disposição das 09h às 22h30, quando o último ônibus sai do estádio de volta ao Terminal Integrado. O bilhete dará direito a ida e volta do estádio. 
 
Para ter acesso ao serviço, pulseiras serão vendidas antecipadamente no valor de R,20, facilitando o retorno para casa. Também é possível obter a passagem na hora. O serviço pode ser adquirido tanto em dinheiro quanto por meio do cartão VEM Trabalhador ou Comum, no TI Cosme e Damião. É importante lembrar que, como se trata de uma linha especial, a tarifa será cobrada integralmente e não haverá gratuidade. O metrô do Recife contará com esquema especial, montado para melhorar a mobilidade de quem chegar à arena pelo transporte coletivo. A quantidade de viagens poderá ser ampliada de acordo com a demanda de torcedores. O valor da tarifa do metrô é R$ 3,00. 
 
Estacionamento
 
A Arena de Pernambuco possui 4 mil vagas carros/vans e 100 vagas ônibus. No domingo, os estacionamentos estarão abertos a partir das 09h. Para facilitar a entrada dos fiéis, os portões da arena abrirão às 11h, duas horas antes do início da celebração. O valor é R$ 10,00 para motos; R$ 20,00 para carros e vans e R$ 40,00 para ônibus. Para facilitar o processo de entrada no estacionamento, um link foi disponibilizado para que as reservas sejam feitas antecipadamente. Para mais informações, basta acessar: bit.ly/2PxDK2p

Grupo católico presta assistência e faz ações sociais para crianças carentes em países da África (Foto: Teresa Maia / Obra de Maria)
Grupo católico presta assistência e faz ações sociais para crianças carentes em países da África (Foto: Teresa Maia / Obra de Maria)


Obra de Maria
 
A história da Comunidade Obra de Maria se confunde com a do seu fundador, Gilberto Gomes Barbosa. Em 1985, o projeto surgiu de um sonho quase impossível que se tornou realidade e, há 28 anos, vem transformando vidas ao redor do mundo. Com a ajuda de Maria Salomé, cofundadora, Gilberto conseguiu levar ao mundo o trabalho social e de de evangelização. Hoje, integram à comunidade mais de 2,8 mil missionários e 690 voluntários, dos quais 300 atuam em tempo integral nas atividades desenvolvidas pela entidade. Além de evangelizar crianças e jovens junto aos hospitais e creches carentes, o grupo desenvolve trabalhos sociais, como a recuperação de jovens dependentes químicos. A obra de Maria está presente em mais de 20 países ao redor do mundo, espalhados pela África, Europa, América do Sul e Oriente Médio. No Brasil, a comunidade está presente em 17 estados. No estado de Pernambuco, sede da comunidade, cerca de 80 mil pessoas são beneficiadas mensalmente pelas ações da Obra
 
Em Pernambuco, a entidade está presente em 30 municípios. Cerca de 80 mil pessoas são beneficiadas mensalmente pelas ações da Obra. Somente na Diocese de Nazaré da Mata existem 18 unidades. Também estão sendo abertas representações em Carpina, Surubim, Itambé, Lagoa do Carro, Bonança, Timbaúba e Jussaral, no Cabo de Santo Agostinho; além do bairro da Muribeca, em Jaboatão dos Guararapes; UR-7, na Várzea, Recife; Alto do Mandu e no Ibura.
 

Serviço:
 
Celebração de 28 anos da Comunidade Obra de Maria
 
Data: 04/11/2018
Horário: 13h – abertura dos portões acontece às 11h
Local: Avenida Deus É Fiel, 1A - Jardim Penedo, São Lourenço da Mata - PE
Ingressos: bilheteriadigital.com / ingressoprime.com (site e quiosques dos shoppings Tacaruna, Rio Mar, Patteo e Boa Vista) / Sede da Obra de Maria (Várzea e São Lourenço) / Edições Paulinas / Loja do Condomínio / Figueira Calçados / Igreja do Divino Espírito Santo  / Bilheteria da Arena de Pernambuco (no dia do evento).


Os comentários abaixo não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.