Solidariedade Papai Noel dos Correios começa nesta terça-feira (6) Neste ano, a campanha ampliou o número de pontos de adoção das cartinhas

Publicado em: 01/11/2018 16:39 Atualizado em: 01/11/2018 16:43

Bolas, bonecas e bicicletas são os pedidos mais comuns. Foto: Júlio Jacobina/DP.
Bolas, bonecas e bicicletas são os pedidos mais comuns. Foto: Júlio Jacobina/DP.
Nesta terça-feira (6), às 15h, será realizado o lançamento da Campanha Papai Noel dos Correios 2018 em Pernambuco. A cerimônia será realizada na Agência Central do Recife. Uma escola convidada também participará do evento, quando haverá a leitura de um dos pedidos e a colocação no mural das primeiras cartas desta edição.

Como resultado da iniciativa dos próprios empregados, a campanha se consolidou como uma das maiores campanhas natalinas e uma das principais ações de responsabilidade social dos Correios e de todo o país.

No ano passado, somente em Pernambuco, foram mais de 20 mil presentes entregues. O objetivo principal do projeto é responder às cartas das crianças que escrevem ao Bom Velhinho e, sempre que possível, atender aos pedidos de presentes daquelas que se encontram em situação de vulnerabilidade social.

A campanha contempla, além das cartas das crianças da sociedade que escrevem diretamente ao Papai Noel, também aquelas de estudantes das escolas da rede pública (até o 5º ano do ensino fundamental) e de instituições parceiras, como creches, abrigos, orfanatos e núcleos socioeducativos. Desde 2010, os Correios estabeleceram essas parcerias a fim de trabalhar ações como o desenvolvimento da habilidade da redação, o endereçamento correto e o uso do CEP.

Como funciona

Depois de lidas e selecionadas por uma equipe dos Correios, as cartas enviadas pelas crianças são disponibilizadas para adoção. Neste ano, os pontos de adoção foram ampliados.

No Grande Recife, as cartas podem ser adotadas nas agências Central, Boa Viagem, Recife Antigo, Shopping RioMar, Shopping Recife, Aeroporto, Casa Amarela e Olinda, além das unidades no interior do estado.

Os presentes podem ser deixados em qualquer um dos locais de adoção, facilitando ainda mais o processo para padrinhos e madrinhas.

Como forma de proteger a criança e a sua privacidade, em atendimento à recomendação do Ministério Público, não é permitida a entrega direta do presente. Para assegurar a observância desse critério, o endereço da criança não é informado.

As crianças podem entregar suas cartas até 14 de dezembro. As cartinhas podem ser adotadas até 21 de dezembro.

Pelo segundo ano, os Correios vão disponibilizar cartas online. O período de adoção nessa modalidade é de 12 de novembro a 23 de novembro.


Os comentários abaixo não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.