Nesta sexta Ladrões explodem duas agências bancárias em Santa Cruz do Capibaribe Quadrilha trocou tiros com a PM e um dos assaltantes morreu. Outros seis foram presos

Por: Diario de Pernambuco

Publicado em: 19/10/2018 08:52 Atualizado em: 19/10/2018 09:26

Foto: Cortesia/Sindicado dos Bancários
Foto: Cortesia/Sindicado dos Bancários

Ladrões explodiram na madrugada desta sexta-feira (19) a agência dos bancos do Brasil e Santander, localizadas no centro de Santa Cruz do Capibaribe, no Agreste do estado. Segundo testemunhas contaram que os criminosos trocaram tiros com policiais militares e um dos suspeitos morreu. Outros seis homens foram presos. A Polícia Militar divulgou por meio de nota que às 11h30 desta sexta-feira dará detalhes da investida contra as agências bancárias de Santa Cruz do Capibaribe em uma coletiva no quartel do Derby, no Recife. 

De acordo com a PM, a ação foi coordenada pelo efetivo do 24° Batalhão, que reagiu contra os assaltantes. Segundo a PM, parte do dinheiro roubado pelos ladrões foi recuperado e apreendidos um fuzil, pistolas, munições, explosivos e dois veículos usados pela quadrilha. 

Segundo moradores do município, o assalto ocorreu por volta de 1h desta sexta. As pessoas relaram que ouviram barulho de disparos de arma de fogo, seguido de explosivos. Os criminosos teriam cercado a cidade, colocando grampos nas principais saídas para impedir o acesso da polícia. Mas após as duas explosões, os policiais chegaram e houve a troca de tiros com os integrantes da quadrilha. 

Um dos veículos utilizados pelo grupo criminoso foi abandonado durante a fuga na Avenida Padre Zuzinha, uma das principais da cidade. A Polícia Civil está investigando o caso. Peritos do Instituto de Criminalística já foram acionados para examinar as duas agências bancárias. 

Segundo o Sindicato dos Bancários de Pernambuco, este ano, já foram registradas 60 explosões a banco, 42 arrombamentos, 35 assaltos, 23 crimes de estelionato, dois sequestros e duas invasões, totalizando 164 ocorrências. A maioria dos crimes ocorreu na região do Agreste, 72 casos, seguido da RMR com 36 ocorrências, Sertão com 34 e Zona da Mata com 22. 


Os comentários abaixo não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.