Trânsito CTTU promove formação para agentes de trânsito e transporte Curso de atualização dos profissionais a acontece entre os dias 16 e 22 de outubro, no bairro de Santo Amaro

Publicado em: 16/10/2018 08:12 Atualizado em:

A Autarquia de Trânsito e Transporte Urbano do Recife (CTTU) inicia a primeira turma do Curso de Atualização permanente para agentes de trânsito e transporte do município. A equipe formada por 25 agentes receberá a capacitação a partir desta terça-feira (16) até o próximo 22 de outubro, das 8h às 17h, na Unidade de Tecnologia na Educação para a Cidadania (Utec), no bairro de Santo Amaro.  O curso será realizado em parceria com a Escola de Governo da Prefeitura da Cidade do Recife (EGPCR) e a Secretaria de Educação.

A novidade dessa formação implementada pela CTTU será o acréscimo das aulas de direção defensiva e de primeiros socorros à grade oficial. Com isso, a estrutura curricular do curso contará com 40 horas/aula e abordará ainda assuntos como Operação e Fiscalização de Trânsito e Ética Profissional. O conteúdo das aulas irá contemplar situações rotineiras dos agentes de trânsito e transporte, visando alinhar os conhecimentos teóricos com as práticas de abordagem, fundamentais para o trabalho cotidiano dos profissionais que atuam nas ruas do Recife.

Para a presidente da CTTU, Taciana Ferreira, capacitar os agentes de trânsito e transporte é fundamental para o seu aperfeiçoamento e oportuniza melhoria na qualidade do atendimento ao cidadão. “Além de promover maior formação ao profissional, o curso de atualização dos agentes contribui para um atendimento cada vez mais eficiente para as pessoas. A oferta do treinamento em primeiros socorros aos agentes, por exemplo, faz com que o trabalho realizado no dia a dia do trânsito se torne ainda mais seguro”, completa.

O Curso de Atualização faz parte do projeto de formação continuada inserido no Programa Municipal de Educação para o Trânsito da CTTU, voltado  para a formação em serviço dos agentes de trânsito e transporte. A ação tem o objetivo de contemplar todos os agentes de trânsito que atuam no Recife e está em consonância com a Portaria nº 94, de 31 de maio de 2017, do Departamento Nacional de Trânsito (Denatran), que prevê a atualização dos profissionais que executam as atividades de fiscalização, operação, policiamento ostensivo de trânsito ou patrulhamento, com carga horária mínima  de 32 horas/aula. 


Os comentários abaixo não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.