Crime Mulher que tentava entrar em presídio com maconha nas partes íntimas é presa em Arcoverde Aos policiais, ela confessou o crime e disse só transportou a droga porque foi ameaçada de morte pelo cônjuge

Por: Diario de Pernambuco

Publicado em: 30/09/2018 14:08 Atualizado em:

Policiais também encontraram outro pacote da droga na casa da mulher após confissão. Foto: Polícia Militar/Divulgação
Policiais também encontraram outro pacote da droga na casa da mulher após confissão. Foto: Polícia Militar/Divulgação
Uma mulher de 26 anos foi presa neste sábado (29) quando tentava entrar no presídio Advogado Brito Alves, em Arcoverde, com um pacote de maconha escondido nas partes íntimas. De acordo com informações da Polícia Militar, uma equipe do 3° BPM foi acionada após um agente penitenciário receber a informação do crime através de uma denúncia anônima.

Durante a abordagem, a mulher, que não teve a identidade revelada, confessou o crime e disse que aceitou levar a droga porque estaria sendo ameaçada pelo seu cônjuge, que está preso na unidade prisional. Segundo ela, o companheiro havia ameaçado matá-la e seus irmãos caso não levasse a droga. Na ocasião, ela confessou ainda que havia outro pacote da mesma droga em sua residência, o que foi constatado pelos agentes.

Segundo a PM, ela foi encaminhada para um hospital, onde foi retirado o pacote de entorpecente e, em seguida, conduzida à delegacia local para adoção das medidas cabíveis.


Os comentários abaixo não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.