Litoral Sul Polícia prende suspeitos que pretendiam explodir caixa eletrônico em Porto Os quatro homens detidos confessaram que iriam explodir um caixa eletrônico na rua dos restaurantes no centro da praia

Por: Diario de Pernambuco

Publicado em: 28/09/2018 09:21 Atualizado em: 28/09/2018 12:10

Imagem: PMPE/Divulgação
Imagem: PMPE/Divulgação

A Polícia Militar prendeu na noite desta quinta-feira (27) três homens, suspeitos de integrar uma quadrilha especializada em explodir bancos. O trio foi pego em Porto de Galinhas, no Litoral Sul, quando se preparava para explodir mais uma agência bancária. Com eles, os policiais apreenderam duas bananas de dinamite, uma espingarda, dois revólveres calibre 38 com 15 munições, além de toucas ninja. O carro usado pelos três assaltantes também foi apreendido. A prisão fez parte da Operação Operação Pentágono, recentemente criada para combater os assaltos a instituições financeiras. 

Os integrantes do grupo foram capturados pela equipe da Radiopatrulha na Rua Beijupira. Willames Daniel Araújo dos Santos, 19, João Victor Pessoa de Lira Oliveira, 21, e um adolescente de 17 anos foram autuados na delegacia de Porto de Galinhas. Ao prestarem depoimento, o grupo apontou outros dois integrantes do bando. Com a informação, os policiais seguiram até o Cabo de Santo Agostinho, onde prenderam também Isaías Aníbal Ribeiro, 35, que estava armado com uma pistola calibre 380, de uso exclusivo da polícia. Um outro suspeito conseguiu fugir. 

Segundo a Polícia, a dupla que estava no Cabo de Santo Agostinho pretendia se encontrar com o restante do grupo em Porto de Galinhas para fazer o assalto. Os suspeitos presos confessaram em depoimento que pretendiam explodir um dos caixas eletrônicos localizados na rua de lazer próximo aos restaurantes em Porto de Galinhas. Os presos já possuem antecedentes criminais por roubo, segundo a Polícia. 


Os comentários abaixo não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.