tragédia Morre turista uruguaia que sofreu acidente na BR-101 Ela havia acabado de desembarcar no Aeroporto Internacional do Recife quando pegou um táxi com a família rumo à praia de Porto de Galinhas, em Ipjuca.

Por: Diario de Pernambuco

Publicado em: 17/09/2018 17:26 Atualizado em: 17/09/2018 18:01

Táxi estava a caminho da praia de Porto de Galinhas, em Ipojuca, litoral sul do estado - Foto: PRF/Diulgação
Táxi estava a caminho da praia de Porto de Galinhas, em Ipojuca, litoral sul do estado - Foto: PRF/Diulgação
A turista uruguaia Luz Duran de Bertolaza, 41 anos, que sofreu um acidente na madrugada desta segunda-feira (17), faleceu na manhã de hoje, após dar entrada em estado gravíssimo no Hospital da Restauração. Ela havia acabado de desembarcar no Aeroporto Internacional do Recife quando pegou um táxi com a família rumo à praia de Porto de Galinhas, em Ipojuca. Na altura do quilômetro 86 da BR-101 Sul, NO Cabo de Santo Agostnho, o taxista perdeu o controle da direção, subindo meio-fio, capotando e saindo da pista. 

De acordo com a assessoria de Comunicação Social do HR, ela sofreu traumatismo craniano, além de fraturas nos membros inferiores e na região do tórax. A causa da morte não foi divulgada. O marido dela Maximiniano Gimeno Cabeda, 41, e os dois filhos, Mateo Duran Gimeno, 9, e Austim Duran Gimeno, 14, tiveram ferimentos leves e também estão no Hospiral da Restauração. Já o taxista Rooney Robert de Oliveira, de idade não informada, está no Hospital Dom Hélder Câmara, no Cabo de Santo Agostinho. Ele não corre risco e tem estado de saúde estável.

Saiba mais:

Família de turistas uruguaios sofre acidente na BR-101


Os comentários abaixo não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.