Vida Urbana

Motorista de aplicativo é baleado em assalto cometido por falso passageiro

O ladrão acionou a vítima por meio de celular e no meio da viagem anunciou o assalto. O carro do motorista ainda está desaparecido

Por pouco o motorista de aplicativo Carlos Fernando Pereira da Silva, 39 anos, não morreu na madrugada desta quarta-feira (31), na Zona Norte do Recife. Depois de atender a uma chamada de um assaltante, que se passou por cliente, o motorista foi baleado nas duas mãos e de raspão na cabeça, além de sofrer espancamento. A agressão ocorreu por volta das 22h30, quando ele transitava nas proximidades do mercado público do bairro de Casa Amarela. O ladrão jogou Carlos Fernando para fora do carro e fugiu levando o Palio de cor prata do motorista. 

A ocorrência foi registrada no Posto Policial do Hospital da Restauração, onde a vítima recebeu atendimento na emergência. Segundo a assessoria de Comunicação Social do HR, Carlos Fernando passou por exames neurológicos e foi submetido a uma tomografia nesta manhã de quarta-feira. Por volta das 10h30, ele recebeu alta médica.  Na queda, Carlos Fernando sofreu um trauma na coluna. O carro do motorista de aplicativo ainda não foi localizado. O crime será investigado pela delegacia de Casa Amarela. 

Leia a notícia no Diario de Pernambuco
Loading ...