Tempo Mãe de criança com alergia alimentar pede ajuda para tratamento da filha Ela precisa de R$ 50 mil até o dia 19 de julho, mas até o momento ela conseguiu arrecadar apenas R$ 6 mil

Por: Diario de Pernambuco

Publicado em: 03/07/2018 21:07 Atualizado em: 03/07/2018 21:10

Foto: Reprodução/Internet
Foto: Reprodução/Internet

Correr contra o tempo é essa sensação que cerca a mãe da pequena Ana Lis desde que descobriu que a filha, que agora tem 1 ano e cinco meses, estava com alergia alimentar múltipla e deficiência no sistema imunológico. Desde então, Ana Carolina Rosendo tem pedido ajuda por meio de vaquinha online para custear o tratamento da menina. Ela precisa de R$ 50 mil até o dia 19 de julho, mas até o momento ela conseguiu arrecadar apenas R$ 6 mil.

Sem o apoio do pai da menina, que nem mesmo registrou a filha, Ana Carolina segue se desdobrando para tomar conta da criança e conseguir ajuda para o tratamento. Ana, que tem outro filho com 5 anos, esperava conseguir arrecadar uma quantia por fora da vaquinha por meio da ajuda de rifas, que ela espalharia pela cidade em que reside, Bom Conselho, interior do estado. O que ela não previu foi mais uma internação da filha, que está no Hospital Esperança há 16 dias, com pneumonia.

Chuchu, proteína, alface, ouro, látex e remédios podem causar alergia na bebê, que já causou muitos sustos na família. Um deles, relata a mãe, foi dentro do carro durante volta da capital pernambucana para a cidade onde mora. "Estavamos no meio da estrada, sem nenhum hospital próximo, quando ela começou a passar mal. Ela nem se quer tinha comido algo, para que eu pudesse saber ao que ela estava com alergia", conta a mãe.

No início estava tão preocupada com o que minha filha comia que comecei a pedir ajuda por meio das redes sociais. A gente entrou na justiça pedindo auxílio para que o governo custeasse com a alimentação dela. A mãe da criança revelou que uma lata do leite, único alimento que ela consome, custa R$ 200 e a criança por só consumir o leite, utiliza 18 latas por mês.

"O dinheiro da vaquinha servirá para custear um tratamento em São Paulo, a expectativa é que ela consiga parar de ser tão sensível. "Às vezes não sabemos se ela tem alergia a determinada comida ou se o corpo dela está em estado alérgico de um alimento consumido anteriormente", desabafa a mãe.

Contas para doação
Banco do Brasil 
Conta Poupança nº 28.201-4, variação: 051, agência: 0278-X

Banco Bradesco 
Conta Corrente nº 4008-8, agência: 6037

Santander
Conta corrente nº 010476673, agência:4060

Caixa Econômica 
Conta Corrente: 22.136-9, agência: 3547
 
Mais informações:  
87 99810-7825 / 87981607772


Os comentários abaixo não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.