Agreste Ladrões explodem agência da CEF de Limoeiro Polícia Federal diz que os criminosos não conseguiram levar o dinheiro dos caixas eletrônicos

Publicado em: 02/07/2018 08:18 Atualizado em: 02/07/2018 08:24

Imagens: PF/Divulgação
Imagens: PF/Divulgação

A Polícia Federal de Pernambuco detalhou nesta segunda-feira (2) uma ação criminosa contra a agência da Caixa Econômica Federal de Limoeiro no Agreste, ocorrida no último sábado (30). Dez homens armados invadiram o prédio do estabelecimento bancário e acionaram explosivos com o objetivo de arrombar os caixas eletrônicos para roubar o dinheiro. A explosão aconteceu por volta das 3h, e como estava havendo festividades juninas na cidade, a Polícia Federal, acredita que o grupo usou também fogos de artifício para confundir os policiais militares, que estavam de plantão fazendo a segurança pública no município. 

De acordo com imagens captadas pelo circuito de segurança no local, o grupo, formado por cerca de dez homens, chegou à agência da CEF, no Centro do município, dividido em dois carros, uma Hilux Prata e uma Fiat Toro Branca. Eles teriam se dirigido aos terminais eletrônicos, onde demoraram cerca de vinte minutos até detornar o dinamite. Após, a explosão, eles fugiram em seguida. 

Para dificultar a ação dos policiais militares, a quadrilha colocou grampos nas vias principais e na saída da estrada. Policiais militares foram acionados estiveram no local e fizeram algumas incursões com vistas a capturar os suspeitos, porém, não lograram êxito em suas prisões.

Imagens: PF/Divulgação
Imagens: PF/Divulgação

De acordo com a assessoria da PF, não há informação de que os suspeitos tenham conseguido levar o dinheiro que havia nos terminais eletrônicos, haja vista que muito dinheiro foi recuperado pelos policiais federais e entregues ao gerente da agência. Segundo a PF, os bandidos não tiveram acesso ao cofre da agência. 

Após o episódio, a Polícia Federal deslocou uma equipe para o local para realizar as primeiras  primeiras investigações e perícias. Testemunhas foram ouvidas afim de que possam subsidiar as investigações que estão em andamento e inquérito policial será instaurado. As investigações vão prosseguir, no sentido de identificar, localizar e prender todos os integrantes da quadrilha de criminosos. 

Qualquer informação que possa levar a captura e identificação de toda a quadrilha pode ser feita através do Disque-denúncia pelo número 3421-9595. O anonimato do denunciante é preservado. A PF informou ainda que a agência da CEF de Limoeiro atende aos requisitos de segurança possuindo porta detectora de metais, câmeras de circuito interno, aparelho de retardo no cofre que só abre em horário pré-programado, vigilantes e anteparo blindado. 

ESTATÍSTICAS:

EM 2017 REGISTRAMOS OS SEGUINTES RESULTADOS ENVOLVENDO A CEF:
12 (doze) episódios ocorridos:
05 (quatro) arrombamentos;
04 (quatro) assaltos;
03 (três) agências explodidas;

EM 2018 REGISTRAMOS OS SEGUINTES RESULTADOS ENVOLVENDO A CEF:
07 (sete) episódios:
04 (quatro) arrombamentos;
03 (três) agências explodidas;

PRISÕES EM 2017 DE ASSALTANTES DOS CORREIOS E DA CAIXA ECONÔMICA FEDERAL
20 (vinte) assaltantes presos dos Correios e da Caixa Econômica Federal;
03 (três) quadrilhas desarticuladas.

PRISÕES EM 2018 DE ASSALTANTES DOS CORREIOS E DA CAIXA ECONÔMICA FEDERAL
04 (quatro) suspeitos presos;
01(uma) quadrilha desarticulada


Os comentários abaixo não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.