JUSTIÇA TRF5 julga causa e pode garantir transplante de intestino para David Nilo Julgamento será caminho para restabelecer a saúde do paciente que, sem transplante, está preso a uma máquina.

Por: Osnaldo Moraes

Publicado em: 20/06/2018 21:43 Atualizado em:

David Nilo passou por hospitalizações delicadas e depende de  transplante para recuperar a saúde. Foto: Vera Ogando/DP (Set_2017) (David Nilo passou por hospitalizações delicadas e depende de  transplante para recuperar a saúde. Foto: Vera Ogando/DP (Set_2017))
David Nilo passou por hospitalizações delicadas e depende de transplante para recuperar a saúde. Foto: Vera Ogando/DP (Set_2017)
O auditor David Nilo da Silva, 35 anos, terá uma manhã decisiva para a perspectiva da reconquista da saúde que tanto persegue. Às 9h desta quinta-feira, no prédio do Tribunal Regional Federal da 5ª Região (TRF5), na Avenida Martin Luther King (Cais do Apolo), no bairro Recife, Região Centro do Recife, ocorrerá o julgamento que pode confirmar liminar que garantia a realização do transplante de intestino, nos Estados Unidos. Preso a uma máquina, o auditor não está no julgamento, onde vai ser representado pela esposa Isabella Nilo, pelos seus pais e amigos. “Que Deus toque no coração dos julgadores e que eles possam ver que o local mais indicado para o transplante é nos EUA mesmo, onde a taxa de êxito e de 95 a 100%, e que eles me dêem ganho de causa”, diz David Nilo.

O auditor publicou um pedido de orações por mídias sociais e precisa realizar o procedimento o mais rápido possível. No ano passado chegou a comemorar uma decisão para que a União custeasse o procedimento. Mas era uma liminar e, no começo de setembro, a família recebeu a  notícia de que o desembargador da 12ª Vara da Justiça Federal, Élio Wanderley da Silva, cassara a decisão. Com  apoio da Defensoria Pública de Pernambuco, David aguarda, agora, que a decisão favorável seja confirmada. 

O auditor teve diagnosticada uma isquemia intestinal no dia 21 de junho do ano passado. Em consequência do quadro de isquemia, perdeu o intestino delgado e parte do intestino grosso. Atualmente, está sendo tratado em casa por home care, se alimentando pela veia. David Nilo realizou uma cirurgia bariátrica há quatro anos, o que pode ter levado ao quadro, considerado raro. 

A isquemia intestinal, como outras isquemias, tais como derrame (cerebral) e infarto (coração), ocorre pela falta de sangue no órgão. Geralmente, é ocasionado por doenças como diabetes e hipertensão ou por maus hábitos, como fumo. Por isso, são mais comuns em idosos. Ocorrendo a perda do intestino, existem dois caminhos: conviver com a nutrição pela veia (uma vez que há a falência do órgão e a alimentação pela boca fica inviável) ou fazer o transplante. No Brasil, não há protocolo do Ministério da Saúde (MS) para a realização do transplante.

Paralelamente ao esforço jurídico, a família de David Nilo realiza várias iniciativas para arrecadar recursos para bancar a manutenção do paciente e sua família nos Estados Unidos enquanto estiver aguardando a realização do transplante. Uma das ações envolveu a venda de vasos de barro pintados com mudas de mini margaridas a partir de uma iniciativa da defensora pública aposentada Mônica Amaral Barros, com o apoio da também defensora pública Ludja Rocha Ribeiro.

Serviço
Quem deseja ajudar David Nilo da Silva pode fazer depósito, transferência eletrônica ou DOC para as seguintes contas:
Banco do Brasil - Agência 0697-1 - Poupança 67.615-2 - Variação 51
Caixa - Agência 2348 - Poupança 2096-6 - Operação 013
Bradesco - Agência 6327-4 - Poupança 1000636-8
Favorecido David Nilo da Silva - CPF 038.050.844-39


Os comentários abaixo não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.