Operação Mirante Líder de facção criminosa 'Comando Vermelho' é preso em Pernambuco O suspeito atuava com tráfico de drogas no estado do Amazonas e está sendo investigado por cometer homicídios

Por: Diario de Pernambuco

Publicado em: 18/06/2018 13:34 Atualizado em:


Apontado como um dos líderes da facção criminosa Comando Vermelho, que atua no estado do Amazonas, Clenilson dos Santos Farias, conhecido como "Tio Patinhas", foi preso na tarde do sábado (16), em apartamento de luxo, localizado em Barra de Jangada, no município de Jaboatão dos Guararapes. Ele é investigado por tráfico de drogas e homicídios. A Operação Mirante foi executada pelo Batalhão de Choque, Radiopatrulha da Polícia Militar de Pernambuco em conjunto com a Secretaria Executiva de Inteligência do Amazonas.

De acordo com as investigações, o suspeito estava há três anos em Pernambuco e ao final do inquérito, que deve ocorrer em 30 dias, será possível explicar o motivo de ele ter escolhido o estado de Pernambuco para morar. Até o momento, não há indícios de que ele atuava no estado. Clenilson foi levado para o Cotel, mas deve ser transferido para o Amazonas, onde deve responder pelos crimes.

"Ainda não temos a informação se ele tinha ligação com alguma ramificação do Comando Vermelho no estado de Pernambuco. Temos um prazo de 30 dias para conclusão do inquérito policial referente ao tráfico de drogas e tentaremos descobrir outros elementos a respeito do porque que ele veio residir no estado de Pernambuco", explica delegado responsável pelo caso no Amazonas, Dennis Pinho.

O que se sabe a respeito de Clenilson é que possuía uma ficha criminal extensa de tráfico de drogas, já foi preso anteriormente por outros crimes e está sendo investigado por homicídios cometidos no estado do Amazonas. No momento da prisão foram apreendidos dois celulares, dois computadores e R$ 3.925 em espécie. A polícia acredita que ele dava comando do Recife, onde morava com esposa e dois filhos menores de idade. 

"Ele poderá ser indiciado por tráfico de drogas, associação criminosa e lavagem de dinheiro. Deflagrada no mês de Abril a Operação Banzeiro, no Amazonas, em que foi apreendido um armamento que possivelmente pertence ao 'Tio Patinhas', inclusive uma Metralhadora de calibre 30, que derruba até aviões. Isso demonstra o poderio de fogo e a capacidade de enfrentamento dessas facções criminosas, que estão bem armadas e estruturadas", conta o delegado.

Pinho ainda ressalta a relevância da prisão para o combate ao tráfico de drogas. "Esse foi um trabalho conjunto entre a Secretaria Executiva de Inteligência do Amazonas e a Polícia Militar de Pernambuco. Quero ressaltar a importância dessa prisão para o estado do Amazonas pela liderança que ele exerce no crime organizado, em específico o comando vermelho. Isso é muito importante para que a gente continue o combate às facções que atuam naquele estado", disse.

De acordo com o comandante da Radiopatrulha, Major Alexandre Jorge, ele não reagiu durante a prisão. "Com base nas informações foi feito um cerco na residência dele e utilizamos um efetivo suficiente para aguardar a saída do local. Quando ele saiu, demos voz de prisão e o elemento se rendeu sem nenhum problema. Parecia tranquilo no ato da abordagem deve ser um indivíduo experiente no crime", contou.


Os comentários abaixo não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.