maconha Casal é detido em Caruaru por tráfico de drogas Luciana Medeiros da Silva e Pedro Ferreira de Assunção foram autuados em flagrante com cerca de 14 kg de maconha

Por: Diario de Pernambuco

Publicado em: 15/06/2018 08:37 Atualizado em:

Em depoimento, Luciana informou que traficava para sustentar os quatro filhos, pois não recebia pensão alimentícia do ex-marido. Pedro (à direita) era o comprador das drogas fornecias por ela. Foto: Divulgação/PRF
Em depoimento, Luciana informou que traficava para sustentar os quatro filhos, pois não recebia pensão alimentícia do ex-marido. Pedro (à direita) era o comprador das drogas fornecias por ela. Foto: Divulgação/PRF

A cabeleireira Luciana Medeiros Alves da Silva, solteira, de 34 anos e o costureiro Pedro Ferreira de Assunção, de 29 anos, foram autuados em flagrante com cerca de 14 quilos de maconha em Caruaru, no Agreste do Estado.

As prisões aconteceram na quinta-feira (14) após informações repassadas pela Polícia Federal para policiais militares do 4º Batalhão de Caruaru sobre uma entrega considerável de maconha às margens da BR-232, nas proximidades do Posto Agamenon, em Caruaru.  

Por volta das 13h30 uma equipe policial se deslocou  para o endereço do possível ponto de drogas para realizar as investigações, quando Luciana chegou acompanhada do filho, de 17 anos. Momentos depois, um homem chegou em um mototáxi e foi acompanhado pelo filho de Luciana. Eles regressaram com um saco contendo o entorpecente. 

A polícia abordou os suspeitos, que foram detidos após ter sido encontrado cerca de 6 quilos de maconha na sacola. Luciana contou que havia mais da droga armazenada em um matagal, próximo a sua residência. Mais 9 quilos da erva foi encontrado. Ao todo, cerca de 14kg da droga foram apreendidos. 

Os suspeitos foram encaminhados para a Delegacia de Polícia Federal em Caruaru. Caso sejam condenados, a pena pode variar de 5 a 20 anos de reclusão. O taxista foi ouvido e liberado porque a polícia não constatou envolvimento com os suspeitos.

Durante o interrogatório,  Luciana informou que se envolveu com o tráfico para sustentar o filho. Ela passava por dificuldades financeiras porque não estaria recebendo a pensão do pai dos seus quatro filhos. 



Os comentários abaixo não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.