Boa Viagem Após ser abordado por agentes da CTTU, homem sofre parada cardíaca Vítima foi conduzida para a UPA da Imbiribeira, onde permaneceu para avaliação e cuidados médicos

Por: Diario de Pernambuco

Publicado em: 05/06/2018 17:56 Atualizado em: 05/06/2018 20:04

Foto: Reprodução/Vídeo
Foto: Reprodução/Vídeo
 
O Corpo de Bombeiros foi acionado para uma ocorrência de queda de um motocliclista que estava ferido no bairro de Boa Viagem, Zona Sul da cidade na manhã desta terça-feira (5). Em um vídeo, que circula nas redes sociais, mostra o rapaz, de 21 anos, deitado no chão enquanto é reanimado pela equipe. No entanto, o responsável pelas cenas, enquanto grava, diz que um dos agentes da Autarquia de Trânsito e Transporte Urbano do Recife (CTTU) teria disparado uma arma de choque contra o jovem. 

De acordo com a CTTU, o episódio tratou-se de uma abordagem ao motocliclista. Sem sucesso, agentes acompanharam o veículo da Avenida Vinte de Janeiro, no bairro de Boa Viagem, até a Rua Armindo Moura, onde foi possível pará-lo. Na ocasião, o condutor já teria descido da moto apresentando sinais de mal súbito. Ao identificar a situação, um dos agentes prestou socorro à vítima e acionou o Corpo de Bombeiros, que deu continuidade ao atendimento.

Os agentes de trânsito que realizaram a ação afirmam que não houve utilização da taser durante a ação, justificando que o equipamento só permite um disparo por cartucho e não foi deflagrado, continuando intacto. 

O Corpo de Bombeiros foi acionado e duas motos de resgate e uma viatura foram conduzidas para o local e prestaram socorro ao condutor. 

Segundo a equipe, o jovem estava em parada cardiorrespiratória e foi reanimado pelos Bombeiros, que eutilizaram o desfibrilador externo automático (DEA). Após o atendimento, a vítima foi conduzida para a Unidade de Pronto Atendimento da Imbiribeira, onde permanece para avaliação e cuidados médicos.

O jovem não tinha permissão para conduzir o veículo, que também não estava devidamente licenciado e foi removido para depósito.

A Secretaria de Saúde informou que o rapaz está em estado grave, porém estável. Ele está na área vermelha, onde ficam os pacientes da unidade que precisam de maior observação.   
 


Os comentários abaixo não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.