Estacionamento CTTU não multará motoristas com cartões rasurados Usuários do Zona Azul denunciam que estão com dificuldade para marcar o cartão. Companhia de trânsito diz que ocorreu um problema na impressão de um lote do talão

Publicado em: 15/05/2018 09:49 Atualizado em:

A Companhia de Trânsito e Transporte Urbano (CTTU) orientou seus agentes de trânsito para que, até segunda ordem, não multem veículos pr causa de rasuras ou perfurações nos cartões de Zona Azul. A determinação foi tomada após sucessivas reclamações a respeito da qualidade da impressão do talão. Os usuários estão com dificuldades de raspar os campos que indicam hora e data. Na tentativa de marcar as informações, alguns motoristas estão até rasgando ou furando os cartões por acidente. 

Para não danificar os impressos, motoristas passaram a utilizar a ponta da chave do carro. Indiganada com a dificuldade de preencher os dados, a estudante Polyanna de Freitas ligou para o 0800-081-1078 e criticou a qualidade do material. "Recebi a justificativa de que talões de apenas um lote vieram com esse problema", disse a estudante. 

Enquanto isso, vendedores autorizados também fazem coro às reclamações "Nunca aconteceu algo do tipo. Trabalhamos com o Zona Azul faz muito tempo e pela prmeira vez enfrentamos essa confusão. Às vezes  ajudamos o cliente, até para evitar que ele se aborreça, e explicamos que não somos culpados pelo atropelo. A pessoa reconhece a nossa atitude, mas espera que a gente faça mais alguma coisa. Há 15 dias os clientes começaram a sentir dificuldades para preencher os dados", afirmou a gerente de uma banca de revistas, que preferiu não se identificar. 

Por meio da assessoria de Comunicação Social, a CTTU informou quie os "guardas de trânsito já estão sendo orientados para não aplicar multas, caso sejam identificadas rasuras ou perfurações nos cartões". O órgão garante que mesmo que haja autuação, ninguém será multdo. "A única dificuldade é que os  motoristas terão que aguardar  dois ou três meses, prazo para o recebimento das notificações e, em seguida, poderão buscar seus direitos. Com certeza a CTTU fará o cancelamento”.  


Os comentários abaixo não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.