• Compartilhar no Facebook Compartilhar no Twitter Compartilhar no Google Plus Enviar por whatsapp Enviar por e-mail Mais
Sertão Chuvas deixam Bodocó inundada A força da correnteza levou pedaço de uma ponte que liga o município à cidade de Ouricuri

Publicado em: 13/04/2018 14:44 Atualizado em: 13/04/2018 19:21

Dezenas de famílias estão desabrigadas pela enchente que atingiu a cidade, localizada a 640 quilômetros do Recife. Foto: Reprodução/Whatsapp
Dezenas de famílias estão desabrigadas pela enchente que atingiu a cidade, localizada a 640 quilômetros do Recife. Foto: Reprodução/Whatsapp

Moradores da cidade de Bodocó, no Sertão do Araripe, amanheceram a sexta-feira com a cidade inundada. Centenas de famílias estão desabrigadas pela enchente que atingiu a cidade, localizada a 640 quilômetros do Recife. Desde terça-feira que chove no município, provocando o acúmulo de água em açudes, transbordando riachos, ligados a bacia do Brígida.

A força da água derrubou parte da Ponte sobre o Riacho do Pequi que passa sobre a rodovia PE-545. Ela corta o município e leva até a cidade de Ouricuri, também no Sertão. A pista está interditada. O Riacho do Amparo e a Cacimba do Ôco passam próximo a Zona Urbana. Segundo a Agência Pernambucana de de Águas e Climas (Apac) a previsão é de que as chuvas isoladas continuem de forma moderada a forte durante toda esta sexta-feira e ainda no sábado pela manhã.

Moradora de Ipubi, município próximo a Ouricuri, a jornalista Ana Abrantes informa que não consegue contato com nenhum amigo que reside em Bodocó. "Arrecadei roupas, alimentos, água. Eles estão sem telefone, provavelmente sem energia. A principal ponte de acesso caiu, infelizmente. Os mantimentos iremos levar pegando uma estrada por outro acesso". A outra passagem pelo município de Exu, BR 122.

A Coordenadoria de Defesa Civil do Estado de Pernambuco (Codecipe) confirmou que a Ponte sobre o Riacho do Pequi foi parcialmente destruída e está interditada. Dois bairros ficaram alagados, o prédio da Escola Estadual João Carlos Locio está servindo de abrigo para cerca de duzentas pessoas,que tiveram a casa invadida pela chuva. 

Moradores de várias localidades do centro da cidade estão desabrigados. As pessoas perderam móveis, pertences pessoais e documentos. Sanfoneiro e filho ilustre da terra, o cantor Flávio Leandro gravou um vídeo pedindo a ajuda dos pernambucanos. 
       
 
Assista o vídeo, enviado para o Diario, onde o sanfoneiro pede ajuda:
 
No final da tarde, roupas e mantimentos começavam a chegar para ajudar aos que perderam tudo na enchente. A Paróquia São José está arrecadando dinheiro através da conta: 8113-2, agência 0899-0, Banco do Brasil.


Os comentários abaixo não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.