• Compartilhar no Facebook Compartilhar no Twitter Compartilhar no Google Plus Enviar por whatsapp Enviar por e-mail Mais
Acidente Reboco desaba de prédio de 20 andares do Porto Digital Prédio abriga o Porto Digital desde 2000. A edificação foi construída na década de 1970 de Acácio Gil Borsoi

Por: Diario de Pernambuco

Publicado em: 12/03/2018 07:47 Atualizado em: 12/03/2018 08:06

O quarteirão na Rua Madre de Deus foi interditado. Foto: Paulo Paiva/DP (Foto: Paulo Paiva/DP)
O quarteirão na Rua Madre de Deus foi interditado. Foto: Paulo Paiva/DP
Construído na década de 1970, o prédio modernista de 20 andares, na Avenida Cais do Apolo, 222, no Bairro do Recife, onde funcionou o antigo Bandepe e desde 2000 abriga o Porto Digital, foi parcialmente interditado ontem. A Diretoria de Controle Urbano interditou o quarteirão, onde ficam os fundos do prédio, voltado para a Rua Madre de Deus, após a queda de parte do reboco superior da edificação. Não houve feridos. 

A recomendação de isolar o quarteirão foi da Defesa Civil do Recife devido ao risco de acidente. Pedaços de concreto caíram na calçada e em parte da via. Hoje, uma equipe da Defesa Civil do Recife vai retornar ao local para verificar se há necessidade de ampliar a área interditada. 

O Porto Digital atua no desenvolvimento de tecnologias e na recuperação de imóveis históricos principalmente no Bairro do Recife. O diretor executivo do Núcleo de Gestão do Porto Digital (NGPD), uma Organização Social (OS), Leonardo Guimarães, informou que uma equipe de engenheiros já esteve no local e amanhã irá fazer um diagnóstico dos danos. 

“Nós sempre fazemos manutenção no prédio, mas essa parte passou despercebida. O que for preciso será feito imediatamente. Temos engenheiros qualificados para dar uma solução e já tomar as providências para não haver mais desprendimento do reboco”, afirmou o diretor executivo. O laudo da Defesa Civil só fica pronto em dez dias. O prédio em estilo modernista foi assinado pelo arquiteto Acácio Gil Borsoi. 




Os comentários abaixo não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.