• Compartilhar no Facebook Compartilhar no Twitter Compartilhar no Google Plus Enviar por whatsapp Enviar por e-mail Mais
Farra Bacalhau do Batata incendeia Quarta de Cinzas em Olinda

Publicado em: 14/02/2018 08:12 Atualizado em: 14/02/2018 11:14

O bloco saiu de sua concentração, na Igreja do Alto da Sé, por volta das 10h desta quarta. Foto: Manuela Cavalcanti/Esp DP (Foto: Manuela Cavalcanti/Esp DP)
O bloco saiu de sua concentração, na Igreja do Alto da Sé, por volta das 10h desta quarta. Foto: Manuela Cavalcanti/Esp DP


A manhã da Quarta-feira de Cinzas pega fogo nas ladeiras de Olinda. É assim há 45 anos, desde que o garçom Izaías Pereira da Silva, o Batata, inconformado com o fato de trabalhar nos quatro dias de festa, criou o próprio bloco para reunir trabalhadores na mesma situação. Nascia o Bacalhau do Batata, que caiu no gosto dos foliões mais resistentes e ganhou destaque da programação olindense.

O estandarte é refeito todos os anos, enfeitado com alimentos utilizados na bacalhoada, prato tradicionalmente servido na data. Batata morreu em 1993 e há oito anos, a presidência do bloco está a cargo da sobrinha dele, Fátima Araújo, professora. O desfile tem início previsto para as 9h30, na Ladeira do Alto da Sé. 






Os comentários abaixo não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.