• Compartilhar no Facebook Compartilhar no Twitter Compartilhar no Google Plus Enviar por whatsapp Enviar por e-mail Mais
Mais amor Adolescentes da Funase distribuem corações no Marco Zero do Recife Gesto simboliza o desejo por um 2018 com mais amor

Publicado em: 06/12/2017 07:44 Atualizado em: 07/12/2017 07:37

Adolescentes fizeram molde, corte, enchimento e costura dos corações, depositando ali todos seus sentimentos mais nobres, prontos para serem compartilhados. Foto: Funase/ Divulgação
Adolescentes fizeram molde, corte, enchimento e costura dos corações, depositando ali todos seus sentimentos mais nobres, prontos para serem compartilhados. Foto: Funase/ Divulgação

Na manhã desta quinta-feira, o Marco Zero, no Bairro do Recife, recebe uma ação marcada por amor e gentileza. Adolescentes internos na Fundação de Atendimento Socioeducativo (Funase) vão distribuir corações como símbolo do desejo por um 2018 com mais amor.

A atividade faz parte do projeto "Se Liga no Semea", desenvolvido na Casa de Semiliberdade (Casem) Areais desde setembro. Durante a ação "Mais Amor em 2018", os jovens irão distribuir aos turistas e transeuntes corações de TNT confeccionados por eles mesmos.

Os adolescentes se empenham na tarefa de fazer o molde dos corações, corte, enchimento e costura, depositando ali todos seus sentimentos mais nobres, prontos para serem compartilhados. “Sair para dividir esses sentimentos é muito bom. Gosto de ajudar. Para 2018, espero que o Brasil esteja melhor, mais motivado e que os trabalhadores consigam emprego”, disse o jovem L.D.C., de 17 anos.

Segundo a psicóloga da unidade, Lilian Fonseca, se decidiu expandir o projeto “Se Liga no Semear”, já que se têm trabalhado as questões de sentimentos e afetos e o coração foi o símbolo escolhido por estar associado às mais profundas emoções humanas. “A introdução da conversação e o diálogo são fundamentais para que os adolescentes comecem a se dar conta dos seus próprios sentimentos, afetos e medos, para aí começar um trabalho de restauração, de ressignificação e de aproximação dessas famílias”, destacou. No próximo dia 15 a unidade comemora o Natal, encerrando o ano.

O projeto tinha como idéia inicial a educação ambiental, por meio do cuidado com os jardins internos e criação de uma horta orgânica, ajudando na construção de novos projetos de vida. Uma das ações já realizadas foi o cuidado com o entorno onde a unidade está localizada, trabalhando, por meio de cartazes e cultivo de mudas, a conscientização do descarte correto do lixo.



Os comentários abaixo não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.