• Compartilhar no Facebook Compartilhar no Twitter Compartilhar no Google Plus Enviar por whatsapp Enviar por e-mail Mais
INSEGURANÇA Presídio que teve detento carbonizado está controlado Informação é do Sindicato dos Agentes de Segurança Penitenciária e Servidores no Sistema Penitenciário do Estado de Pernambuco.

Publicado em: 05/12/2017 23:06 Atualizado em:

No final da noite desta terça-feira, o Sindicato dos Agentes de Segurança Penitenciária e Servidores no Sistema Penitenciário do Estado de Pernambuco (Sindasp-PE) informou que considerava como controlada a situação no Presídio Agente Penitenciário Marcelo de Araújo (Pamfa), no Complexo Curado, que começara cerca de cinco horas antes, às 17 horas, deixando dois feridos e um morto carbonizado. “Detentos do pavilhão Disciplina se rebelaram”, informou, acrescentando que o problema foi restrito a apenas essa área.

Segundo informações do Sindasp-PE, detentos rivais realizaram motim por causa de disputa de poder no controle do pavilhão Disciplina. Durante o conflito, ficaram feridos os detentos Rogério José Lourenço da Silva, 21 anos, e Everton César Belém dos Santos, de idade não informada. Outro detento, O preso que morreu foi Stanley Roberto Gomes de Paula Ramos, de 26 anos, morreu carbonizado.

Ainda segundo o Sindasp-PE, agentes penitenciários de plantão, seguranças e o Grupo de Operações e Segurança (GOS), formado por agentes penitenciários. atuaram para controlar o motim. A Polícia foi acionada para apurar o caso.


Os comentários abaixo não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.