• Compartilhar no Facebook Compartilhar no Twitter Compartilhar no Google Plus Enviar por whatsapp Enviar por e-mail Mais
NEGOCIAÇÃO Trabalhadores de processamento de dados da Receita Federal farão paralisação nesta quarta Segundo a categoria, não houve avanço nas reivindicações de reajuste salarial, apenas ameaças de corte de direitos

Publicado em: 05/12/2017 19:58 Atualizado em:

Os trabalhadores da Empresa Federal em Processamento de Dados (SERPRO) lotados na Delegacia da Receita Federal, no bairro do Parnamirim, vão parar as atividades por 24 horas nesta quarta-feira. A mobilização foi aprovada, por unanimidade, em assembleia da categoria nessa segunda. A medida deverá impactar o Centro de Atendimento ao Contribuinte (CAC) e os sistemas.

Com data-base em 1º de maio, a categoria ainda não conseguiu negociar a pauta de reivindicações entregue à empresa no início do ano e, de acordo com a categoria, há sinais de que não haverá reajuste salarial e sim corte de direitos históricos da categoria, como o fim do pagamento da licença prêmio em pecúnia e a mudança na data do pagamento dos salários do último dia útil do mês para até o quinto dia útil do mês seguinte.

"Não podemos aceitar todos esses ataques a nossos direitos sem qualquer reação. Por isso vamos fazer essa paralisação e nos preparar para uma ação mais efetiva para pressionar o SERPRO a negociar", informou a presidente do Sindicato dos Trabalhadores em Empresas de Informática, Processamento de Dados e Tecnologia da Informação de Pernambuco, Sheyla Lima.


Os comentários abaixo não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.