• Compartilhar no Facebook Compartilhar no Twitter Compartilhar no Google Plus Enviar por whatsapp Enviar por e-mail Mais
SAÚDE Doutores da Alegria convidam sociedade para passeio ciclístico neste domingo Gratuito, Bobociclismo vai comemorar os 14 anos de atuação da ONG no Recife

Publicado em: 19/09/2017 22:00 Atualizado em:

Passeio é aberto ao público. Foto: Doutores da Alegria/Divulgação (Passeio é aberto ao público. Foto: Doutores da Alegria/Divulgação)
Passeio é aberto ao público. Foto: Doutores da Alegria/Divulgação
No próximo domingo, dia 24 de setembro, os palhaços da associação Doutores da Alegria realizam a quarta edição do Bobociclismo. O passeio ciclístico, que é gratuito, vai percorrer as principais pontes do Bairro do Recife com a irreverência tradicional do grupo. Este ano, a equipe comemora os 14 anos de atuação da ONG no Recife e o Dia Estadual dos Doutores da Alegria, estabelecido pela Assembleia Legislativa de Pernambuco desde 2013. A concentração para o passeio será às 8h30, no Parque da Jaqueira, na Zona Norte da cidade, em frente ao Econúcleo.

No parque, crianças e adultos participam de um "Alongamento de palhaços" antes de saírem para o roteiro de bike, às 9h30. O passeio, intitulado Circuito das Pontes, deve passar pela Ponte de Santa Isabel, Ponte Velha, Ponte de Ferro, Ponte do Limoeiro, Ponte Maurício de Nassau e Ponte Buarque de Macedo. A chegada será na Praça do Marco Zero, por volta das 11h. 

Para participar, não é preciso fazer inscrição prévia. “Pedimos que todos utilizem os equipamentos de segurança, passem protetor solar, enfeitem as bikes e venham se juntar a esses bobociclistas. É uma oportunidade de conhecer o trabalho que eles levam semanalmente para os hospitais”, afirma Nice Vasconcelos, coordenadora administrativa da Associação Doutores da Alegria. O 4º Bobociclismo possui o apoio da Prefeitura do Recife.
 
DIA ESTADUAL DO DOUTORES DA ALEGRIA
No próximo dia 28 de setembro, o Dia Estadual do Doutores da Alegria também será comemorado. Na programação, haverá um passeio de catamarã com a participação de pacientes, pais, acompanhantes e profissionais de saúde. A atividade é fechada ao público. Os convidados serão escolhidos nos próprios hospitais atendidos pelos palhaços o ano inteiro – Hospital da Restauração, Barão de Lucena, Hospital Universitário Oswaldo Cruz e Procape, e Instituto de Medicina Integral Professor Fernando Figueira (Imip). Serão cerca de 70 convidados.


Os comentários abaixo não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.