• Compartilhar no Facebook Compartilhar no Twitter Compartilhar no Google Plus Enviar por whatsapp Enviar por e-mail Mais
Furação Irma Cancelados mais dois voos entre Recife e Orlando

Publicado em: 11/09/2017 09:36 Atualizado em:

Cancelados mais dois voos entre Recife e Orlando, nos Estados Unidos previstos para manhã desta segunda-feira. A medida foi tomada por conta do furação Irma, que atinge a região. Segundo a Infraero (Empresa Brasileira de Infraestrutura Aeroportuária), os voos da Azul Linhas Aéreas tinham decolagens previstas para as 7h05 e 10h.

Outros 12 voos da Azul já haviam sido canvelados anteriormente, até o domingo passado, entre Brasil e os terminais de Orlando e Fort Lauderdale, nos EUA. Dois deles tinham o Recife como destino ou origem, o 8708 (Recife-Orlando) e o 8711 (Orlando - Recife) e estavam marcados para o domingo. A Latam cancelou 26 voos de sexta-feira até hoje, dezenove deles entre Brasil e Miami e sete entre Brasil e Orlando.

A tensão com a chegada do furação Irma em solo americano atingiu em cheio pernambucanos que estão nos estados do nordeste e sul dos Estados Unidos a trabalho ou a lazer. A funcionária pública Gabriela Ramirez Morosini chegou há uma semana à Orlando, na Flórida, para levar a família aos parques da cidade e teve que adiar a volta para casa por conta do furacão Irma.

A turista está hospedada com o marido, os dois filhos e mais oito parentes no hotel All Stars Walt Disney Resort e deveria ter voltado para casa neste domingo, mas, com o cancelamento de todos os voos para a cidade, só deve pousar no Recife sábado que vem. A família ainda cogitou pegar a estrada e sair de Orlando, mas foi desaconselhada por questões de segurança.

Gabriela nunca havia passado por esse tipo de situação, mas, segundo ela, o hotel e seus funcionários tentam acalmar os hóspedes, liberando boletins com informações e até filmes para as crianças assistirem. "O dia de ontem foi ótimo, mas o parque estava mais vazio que o normal e já ventava muito. Os hoteis da Disney fizeram uma verdadeira operação de guerra. Distribuíram vouchers com a hora que podíamos pegar comida quando chegássemos do parque. Fizeram kits com água, sanduíche, salgadinho, barrinha de cereal, cookies, maçã, tudo numa sacoa por seis dólares. Hoje, o restaurante estava para ficar aberto até as 15h".

O cantor caruaruense Petrúcio Amorim é outro pernambucano que está na Flórida, em Miami, com a esposa. O artista está abrigado em um hotel e informou pelo Facebook que está bem. "Sabemos do perigo, mas Deus está no comando". 

Os comentários abaixo não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.