• Compartilhar no Facebook Compartilhar no Twitter Compartilhar no Google Plus Enviar por whatsapp Enviar por e-mail Mais
Disque Denúncia Recompensa e anonimato para quem denunciar distribuidor clandestino de gás de cozinha Recompensa pode chegar a R$ 500

Publicado em: 10/08/2017 10:14 Atualizado em:

A Delegacia de Polícia de Crimes contra o Consumidor (DECON) da Polícia Civil de Pernambuco, o Disque Denúncia e a Associação de Revenda de Gás de Pernambuco (Asmirg PE) formalizaram uma parceria para combater o comércio clandestino de gás de cozinha em todo o estado. A partir de agora, o cidadão que apontar locais de estocagem clandestina de gás, através do Disque Denúncia, ganhará recompensa de até R$ 500. A denúncia precisa ser comprovada e o serviço garante o anonimato a quem denunciar.

O principal risco do comércio ilegal é a segurança dos consumidores. “É um perigo eminente para a sociedade”, define a delegada Beatriz Gibson, titular da Decon. A polícia espera com a ação diminuir os pontos de revendas que não são devidamente autorizadas pela Agência Nacional de Petróleo (ANP) e vistoriada pelo Corpo de Bombeiros.

Além do risco de acidente, como o que vitimou uma mulher de 54 anos em Olinda nesse mês, o consumidor ainda pode ser lesado ao receber um botijão com o peso adulterado, contendo menos gás que deveria. O número do Disque Denúncia em Pernambuco é o (81) 3421.9595 para quem mora na Região Metropolitana do Recife e o (81) 3719.4545, no interior.

Os comentários abaixo não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.