• Compartilhar no Facebook Compartilhar no Twitter Compartilhar no Google Plus Enviar por whatsapp Enviar por e-mail Mais
Homenagem Dia de pagar promessas Na véspera do dia da Nossa Senhora do Carmo, fiéis lotaram a igreja para homenagear a santa e pedir novas graças

Por: Débora Eloy

Publicado em: 15/07/2017 16:29 Atualizado em: 15/07/2017 18:11

Fiéis visitaram a basílica de Nossa Senhora do Carmo para pagar e fazer novas promessas (Shilton Araújo / Esp. DP)
Fiéis visitaram a basílica de Nossa Senhora do Carmo para pagar e fazer novas promessas
As celebrações em homenagem a Nossa Senhora do Carmo, que acontecem desde o início de julho, chegam à reta final e ao ápice neste fim de semana. A 321ª edição, que tem como tema “Viva a Mãe de Deus e Nossa – O Carmelo Rejubila o tricentenário do teu encontro com o Solo Brasileiro”, recebeu diversos fiés neste sábado.

Aproveitando as missas realizadas às vésperas do dia da santa, o sábado foi reservado para pagar e fazer novas promessas, como é o caso da dona de casa Maria Fontenele, que é devota de Nossa Senhora desde 1960. “Sempre pago e faço promessas. Este ano meu marido ficou doente, mas eu tinha que vir aqui, pelo menos um dia, para prestar minha homenagem” comentou.

Maria Fontenele costuma fazer promessas à Nossa Senhora do Carmo (Shilton Araújo / Esp. DP)
Maria Fontenele costuma fazer promessas à Nossa Senhora do Carmo

Mas não é só dentro da igreja que são encontrados os devotos a nossa senhora. Voluntários podem ser encontrados desde o pátio até a entrada da igreja. O amor pela santa é o motivo principal que levou o estudante Antônio Carlos a deixar as obrigações de lado para se dedicar à celebração. “Sou voluntário desde 2016 e me dedico totalmente a Nossa Senhora do Carmo. Deixo meu lar para me dedicar totalmente aos dias de festa”, revelou.

Comprometimento não falta aos fiéis que visitaram a basílica neste sábado. A aposentada Marlene Alves, 72, é devota desde criança. “Participei todos os dias desta edição. Chego de manhã cedo e fico até a novena. No outro já estou aqui bem cedo”, declarou.

Marlene Aleves, 72, é devota desde criança e compareceu a todos os dias de celebração (Shilton Araújo / Esp. DP)
Marlene Aleves, 72, é devota desde criança e compareceu a todos os dias de celebração


Durante todos os dias de celebrações é possível encontrar desde crianças, até idosos prestando suas homenagens e pedindo suas graças à Nossa Senhora. Em alguns casos a influência dos pais cria novos fiéis. “Já participei de outras festa da santa, mas esta é a primeira vez que venho este ano e aproveitei para trazer a família” afirmou a aposentada Marilene Melo que levou as três filhas Marize, Mônica e Marliete.

As missas de hora em hora deste sábado foram celebradas em dois locais diferentes. Das 7h às 15h dentro da Basílica, e das 9h às 16h no Claustro. Durante o dia também foram realizadas a santa Missa, a Hora da Santa, a Reflexão, a Acolhida da imagem da padroeira e as Vésperas Solenes em honra à Santíssima Virgem do Monte Carmelo, celebrada pelo Frei Rogério Severino de Lima.

Antônio Carlos é voluntário desde 2016 e destaca o importante trabalho nos dias de comemoração de Nossa Senhora do Carmo (Shilton / Esp. DP)
Antônio Carlos é voluntário desde 2016 e destaca o importante trabalho nos dias de comemoração de Nossa Senhora do Carmo


Neste domingo, dia da padroeira do Recife, também acontecerão missas de hora em hora, das 5 às 14h na Basílica e das 5h30 às 13h30 no Claustro. A partir das 16h acontecerá a missa campal solene realizada pelo arcebispo de Olinda e Recife, Dom Fernando Saburido. Em seguida acontecerá a procissão que tem como percurso as Avenidas Nossa Senhora do Carmos e Martins de Barros, Praça da República, Rua do Sol, Avenida Guararapes, Avenida Dantas Barreto, encerrando na Praça do Carmo.

 



Os comentários abaixo não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.