• Compartilhar no Facebook Compartilhar no Twitter Compartilhar no Google Plus Enviar por whatsapp Enviar por e-mail Mais
Guigui Arcebispo visita bebê com atrofia muscular espinhal Campanha reúne fundos para a compra da droga Spiranza, recentemente testada e aprovada pelos americanos para tratar doença

Por: Diario de Pernambuco

Publicado em: 27/03/2017 14:31 Atualizado em: 27/03/2017 14:47

Arcebispo visita bebê com Atrofia Muscular Espinhal. Foto: Arquidiocese de Olinda e Recife/ Divulgação
Arcebispo visita bebê com Atrofia Muscular Espinhal. Foto: Arquidiocese de Olinda e Recife/ Divulgação
O arcebispo de Olinda e Recife, dom Fernando Saburido, visitou na manhã desta segunda-feira o bebê Guilherme Lima de Moraes, em Vitória de Santo Antão, na Região Metropolitana do Recife. Com 11 meses de idade, ele foi diagnosticado com Atrofia Muscular Espinhal (AME), doença rara e degenerativa que compromete o sistema respiratório, digestivo e motor.

Na ocasião, o arcebispo também se engajou à campanha "AMEGUIGUI - Todos por Guilherme", que reúne fundos para a compra da droga Spiranza, recentemente testada e aprovada pelos americanos para tratamento das atrofias. Guilherme precisa de seis injeções de Spiranza na medula espinhal, durante o período de um ano. O custo completo do tratamento chega a US$ 750 mil (cerca de R$ 3 milhões). Com a medicação, as proteínas responsáveis pela sobrevivência dos nervos motores voltam a funcionar, registrando-se casos de crianças que estão progredindo, sentando, se movendo e até tentando se comunicar e se alimentando sem sonda. Não significa a cura, mas a esperança de melhor qualidade de vida, como uma criança deve ter.

"Fiquei comovido com o esforço da família em buscar um valor que, à primeira vista, parece inacessível, mas que, com fé e muita luta, pode ser conseguido com a ajuda da população em geral", disse o arcebispo, olhando as fotos do garoto com sonda gástrica e aparelhos para respiração. "É uma família comum que precisa da ajuda de pessoas comuns, por isso peço a colaboração dos que podem ajudar, sejam trabalhadores ou empresas, com muito ou pouco, para viabilizar o tratamento dessa criança", completou.

Valores podem ser depositados nas contas abaixo:

Caixa Econômica Federal
Agência 0626
Conta Poupança 60315-0
Operação 013
Guilherme de Lima Gomes
CPF 137.583.274-31

Banco do Brasil
Agência 0233-X
Conta Poupança 61946-9
VAR: 51
Guilherme de Lima Gomes
CPF 137.583.274-31

Os comentários abaixo não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.