• Compartilhar no Facebook Compartilhar no Twitter Compartilhar no Google Plus Enviar por whatsapp Enviar por e-mail Mais
Prevenção Policlínica acolhe quem vai viajar para atualizar cartão de vacina Centro de Orientação ao Viajante oferece atendimentos sem agendamento prévio

Publicado em: 11/01/2017 17:30 Atualizado em: 11/01/2017 17:33

O Centro de Orientação ao Viajante (COV) da Policlínica Lessa de Andrade, no bairro da Madalena, na Zona Norte de Recife, acolhe os viajantes para prestar informações sobre a imunização de doenças que podem ser prevenidas. Os atendimentos são feitos sem necessidade de agendamento de segunda a sexta-feira, das 13h às 17h.

Um enfermeiro repassa orientação sobre vacinação, avalia o cartão vacinal, além de fazer encaminhamentos para o serviço médico, caso haja necessidade.

A Policlínica Lessa de Andrade é credenciada pela Anvisa e emite o Certificado Internacional de Vacinação e Profilaxia (CIVP), que poderá ser requerido na entrada do viajante em determinados países. É importante salientar que o cartão de vacina deve estar atualizado, respeitando o mínimo de 10 dias a contar da vacinação, a exemplo da imunização contra a febre amarela. O não cumprimento dessa determinação poderá impedir o embarque.

As doenças infecciosas evitáveis por vacinas, como sarampo, rubéola, caxumba, tétano, febre amarela, difteria, tuberculose, hepatite A, hepatite B, meningite meningocócica e febre tifóide, são o principal foco nas orientações prestados pelo COV. O turista também pode obter informações sobre as doenças para as quais não existe vacina, mas recursos para evitá-las, como as transmitidas por mosquitos - malária, dengue, leishmaniose, entre outras.

Os comentários abaixo não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.