• (1) Comentários
  • Votação:
  • Compartilhe:

Acidente » Adolescente que viajava em ônibus bate cabeça em poste e morre na hora

Publicação: 09/04/2013 13:12 Atualização: 09/04/2013 15:29

Peritos e policiais militares observam o ônibus envolvido no acidente. Foto:Wagner Oliveira/DP/D.A.press
Peritos e policiais militares observam o ônibus envolvido no acidente. Foto:Wagner Oliveira/DP/D.A.press
Um adolescente de 15 anos foi decapitado no fim da manhã desta terça-feira, quando seguia de ônibus, no bairro 13 de Maio, em Jaboatão Velho, Região Metropolitana do Recife. Erick Matheus Leal da Silva viajava num coletivo da empresa Metropolitana, quando teria colocado a cabeça do lado de fora e acabou sendo atingido por um poste de iluminação pública. O rapaz morreu na hora.

O Instituto de Medicina Legal (IML) foi chamado para recolher o corpo do rapaz para o necrotério, em Santo Amaro, no Recife. Policiais civis também foram ao local conversar com testemunhas do acidente. O motorista do coletivo foi levado para a delegacia de Jaboatão.
Foto:Wagner Oliveira/DP/D.A.press
Foto:Wagner Oliveira/DP/D.A.press

Erick tinha ido comprar um ingresso para um jogo de futebol no fim de semana e voltava para casa para ir à escola à tarde. Segundo a Polícia, familiares disseram que ele teria colocado a cabeça para fora porque foi chamado por um amigo. Mas testemunhas afirmaram para a polícia que o garoto viajava com a cabeça para fora do coletivo. Parentes do adolescente estavam chocados e não quiseram falar com a imprensa. 

Esta matéria tem: (1) comentários

Autor: norma silva
É incrível, a história se repete...os ônibus deveriam ter ar condicionados e as janelas travadas.Lembro de um garoto de 11 anos há 6 anos atrás no Bongi,mesma coisa.Atenção Sr.Governador,vamos botar ar nos coletivos,a COPA vem aí! | Denuncie |

Comentar

Para comentar essa notícia entre com seu e-mail e senha

Caso você não tenha cadastro,
Clique aqui e faça seu cadastro gratuito.
Esqueci minha senha »



Os comentários abaixo não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.