• Compartilhar no Facebook Compartilhar no Twitter Compartilhar no Google Plus Enviar por whatsapp Enviar por e-mail Mais
Trabalho e saúde CFM é contra a abertura de vagas em cursos de medicina no país

Publicado em: 02/11/2013 09:29 Atualizado em:

A classe médica é contra a abertura de mais vagas em cursos de medicina pelo país afora. “Não é aumentando vagas, permitindo a abertura de escolas indiscriminadamente que será solucionada a dificuldade existente na saúde pública”, afirmou Dalvélio de Paiva Madruga, integrante da Comissão de Ensino Médico do Conselho Federal de Medicina (CFM). Para ele, não há falta de médicos no país em geral, mas na rede pública.

“Há carência no setor público, porque a carreira não é atraente. Não é uma carreira de Estado, a exemplo do Judiciário, que ofereça benefícios que permitam a fixação do profissional numa cidade distante da capital”, afirmou. Segundo Madruga, há hoje concentração de profissionais nas capitais e cidades mais desenvolvidas porque oferecem melhor infraestrutura e equipamentos.

Os comentários abaixo não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.