presidência Mourão assume Presidência durante recuperação de Bolsonaro após cirurgia

Por: Agência Brasil

Publicado em: 28/01/2019 08:12 Atualizado em:

Mourão deverá conduzir, nesta terça-feira (29/1), a reunião ministerial, que Bolsonaro passou a realizar uma vez por semana. Foto: Minervino Junior/CB/D.A Press
Mourão deverá conduzir, nesta terça-feira (29/1), a reunião ministerial, que Bolsonaro passou a realizar uma vez por semana. Foto: Minervino Junior/CB/D.A Press
Por 48 horas, a partir desta segunda-feira (28/1), o vice-presidente, Hamilton Mourão, assume o exercício da Presidência da República, durante a recuperação do presidente Jair Bolsonaro, da cirurgia para a reconstrução do trânsito intestinal. Mourão deverá conduzir, nesta terça-feira (29/1), a reunião ministerial, que Bolsonaro passou a realizar uma vez por semana no Palácio do Planalto.

A informação foi confirmada pelo porta-voz da Presidência, Otávio Rêgo Barros. Segundo ele, Mourão exercerá a Presidência no período da cirurgia e por 48 horas após o procedimento cirúrgico. A previsão é que o período de recuperação do presidente dure dez dias. O porta-voz da Presidência informou que Bolsonaro pretende despachar do próprio Hospital Albert Einstein.

Rêgo Barros disse que deverá haver briefings diários no hospital para detalhar o estado de saúde do presidente e as atividades previstas para o dia seguinte. Os boletins médicos de Bolsonaro serão emitidos pelo Albert Einstein, porém a divulgação ficará sob “tutela” do porta-voz.

Paralelamente, o presidente pretende trabalhar no hospital, onde foi organizada uma espécie de gabinete para ele: com equipamentos, dispositivos técnicos e local adequado para despachos com autoridades.


Os comentários abaixo não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.