Censura Em nota, Abraji se manifesta sobre condições de jornalistas na posse

Por: Correio Braziliense

Publicado em: 01/01/2019 14:46 Atualizado em: 01/01/2019 15:38

Foto: Evaristo Sá/AFP
Foto: Evaristo Sá/AFP
Na tarde desta terça-feira, a Associação Brasileira de Jornalismo Investigativo (Abraji) emitiu uma nota sobre as condições impostas a jornalistas que cobrem a posse presidencial. Ainda no início do evento, jornalistas teriam deixado a cobertura após limitações impostas pela equipe responsável pela segurança da posse do presidente Jair Bolsonaro.

"Um governo que restringe o trabalho da imprensa ignora a obrigação constitucional de ser transparente. Os brasileiros receberão menos informações sobre a posse presidencial por causa das limitações impostas à circulação de jornalistas em Brasília. Confinados desde as 7h, alguns com acesso limitado a água e a banheiros, eles não puderam interagir com autoridades e fontes, algo corriqueiro em todas as cerimônias de início de governo desde a redemocratização do país. A Abraji protesta contra este tratamento desrespeitoso aos profissionais que estão lá para fazer o registro histórico deste momento."



Os comentários abaixo não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.