Festa do título do Palmeiras terá Bolsonaro na arena e taça em campo Torcedor da equipe, ele foi convidado pela diretoria alviverde para ir ao Allianz Parque e acompanhará a partida contra o Vitória no camarote da presidência do clube

Por: AE

Publicado em: 02/12/2018 15:59 Atualizado em: 02/12/2018 17:11

Foto reprodução internet
Foto reprodução internet
A festa do Palmeiras pelo título brasileiro terá neste domingo a presença do presidente eleito Jair Bolsonaro. Torcedor da equipe, ele foi convidado pela diretoria alviverde para ir ao Allianz Parque e acompanhará a partida contra o Vitória no camarote da presidência do clube.

Bolsonaro foi recebido no voo do Rio para São Paulo aos gritos de 'mito'. Como de costume, apoiadores filmaram e aplaudiram a chegada do presidente, que acenou em retribuição antes de se sentar numa das primeiras fileiras da aeronave. Um grito de "Lula Livre" também ecoou e foi logo abafado pela comemoração de bolsonaristas. Tão logo o avião decolou, alguns passageiros começaram se revezar no corredor na tentativa de se aproximar de Bolsonaro, tirar uma selfie ou cumprimentar o futuro presidente, dando trabalho para os seguranças, que precisaram vetar alguns admiradores.

O presidente eleito desembarcou por volta das 13:40h horário local no Aeroporto de Congonhas em um voo de carreira da companhia aérea Gol. O político saiu em comboio de dois carros da Polícia Federal e outros cinco carros pretos, além de uma van e uma ambulância, pela área de autoridades de Congonhas, sem falar com a imprensa. Motos da Polícia Militar também fizeram parte do esquema de segurança do aeroporto. Diversas vezes a Avenida Washington Luís foi bloqueada nas duas pistas do sentido centro para que a equipe do presidente eleito pudesse sair.

O novo presidente, no entanto, não vai participar da entrega do troféu de campeão. A cerimônia será organizada pela CBF e realizada depois do duelo. Os jogadores subirão em um pódio montado no gramado para receberem as medalhas. Na sequência o capitão Bruno Henrique vai erguer a taça.

Jogo. Desde a inauguração da arena, há quatro anos, será a primeira vez que o Palmeiras jogará no estádio já como campeão. O clube vai preparar uma grande festa para marcar a data, com direito a mosaico da torcida. A arena deve receber perto de 40 mil pessoas e fazer o clube fechar o ano com renda bruta de mais de R$ 35 milhões em bilheteria em jogos do Campeonato Brasileiro.

Em campo a expectativa é para o técnico Luiz Felipe Scolari promover novidades e escalar jogadores pouco utilizados na temporada, como o goleiro Fernando Prass. O Palmeiras vai em busca de atingir o 23º jogo consecutivo sem perder. Se ganhar, a equipe chegará aos 80 pontos e vai igualar a campanha do título brasileiro de 2016.

O já rebaixado Vitória tentará encerrar a temporada de forma honrosa. O time não ganha há oito rodadas e teve a queda decretada no último domingo, ao empatar sem gols com o Grêmio. O momento ruim fez a diretoria promover mudanças no elenco na última semana, ao dispensar sete jogadores.

Retorno. Bolsonaro deverá voltar para o Rio de Janeiro ainda neste domingo, às 20h, deste domingo e passará a segunda-feira em casa, na Barra da Tijuca, zona oeste do Rio. Na terça-feira ele voltará para Brasília, onde seguirá com o governo de transição. (Carla Bridi, Ciro Campos, Constança Rezende e Renata Agostini)

Os comentários abaixo não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.