discurso 'Não poderíamos mais continuar flertando com o Socialismo', afirma Bolsonaro em pronunciamento na internet 'As urnas se abriram e nós fomos declarados vencedores deste pleito e o que eu mais quero é, seguindo ensinamentos de Deus, ao lado da Constituição Brasileira', completou.

Publicado em: 28/10/2018 21:24 Atualizado em:

Foto: Reprodução/Facebook
Foto: Reprodução/Facebook
O presidente eleito, Jair Bolsonaro, fez uma transmissão ao vivo em seu Facebook para comentar e agradecer o resultado das Eleições 2018. Ao lado da esposa Michelle, Bolsonaro começou agradecendo a Deus e aos profissionais de saúde que cuidaram dele durante o tempo em que passou internado, após levar uma facada em ato de campanha, no mês de setembro. 

"Agradecer a Deus pela oportunidade e mais ainda: agradecer a Deus, que pelas mãos de médicos, enfermeiros e demais profissionais de saúde da Santa Casa de Juiz de Fora e do Hospital Albert Einstein de São Paulo operaram um verdadeiro milagre, mantendo a minha vida". 

Em seguida, Bolsonaro agradeceu aos seus seguidores nas redes sociais e à população brasileira. "Vocês acreditaram em mim. Há quatro anos, nessa mesa, quando decidi, sozinho, disputar a presidência, sabia de todas as dificuldades que teria pela frente". 

Jair Bolsonaro fez referências à Bíblia, afirmando que o slogan de sua campnha - "Brasil acima de tudo. Deus acima de todos" - foi inspirado no versículo João 8:32: "E conhecei a verdade e a verdade vos libertará". Segundo ele, este preceito é o único caminho para a "paz e a prosperdade". 

O presidente eleito também fez comentários negativos sobre a grande mídia, acusando os veículos de comunicação de criticarem-no "o tempo todo", colocando-o "muitas vezes próximo a uma situação vexatória". 

Na mesa, além da Bíblia Sagrada, estavam a Constituição, a biografia do ex-primeiro ministro britânico Winston Chruchill e um livro de autoria do filófoso conservador Olavo de Carvalho, "O mínimo que você precisa saber para não ser um idiota". 

“Não poderíamos mais continuar flertando com o Socialismo, com o Comunismo e com o Populismo e com o extremismo da esquerda. As urnas se abriram e nós fomos declarados vencedores deste pleito e o que eu mais quero é, seguindo ensinamentos de Deus, ao lado da Constituição Brasileira, inspirando-se em grandes líderes mundiais e com uma boa assessoria técnica e profissional ao seu lado – isenta de indicações políticas de praxe – começar a fazer 1 governo a partir do ano que vem que possa realmente colocar o Brasil em 1 lugar de destaque”. 

Bolsonaro finalizou o discurso agradecendo, novamente, aos seu eleitores. "Meu muito obrigado a todo vocês pelo apoio, pela consideração, pelas orações e pela confiança. Vamos juntos, juntos mudar o destino do Brasil". 


Os comentários abaixo não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.