Eleições 'Me apoiou em todo o período, desde o afastamento de Dilma', diz Temer sobre Câmara Em entrevista, presidente Michel Temer (MDB) disse ter uma boa relação com o governador do estado Paulo Câmara (PSB)

Por: Diario de Pernambuco

Publicado em: 29/08/2018 18:23 Atualizado em: 29/08/2018 18:54

Foto: Anderson Freire/Esp. DP
Foto: Anderson Freire/Esp. DP
Durante entrevista a uma rádio local, nesta quarta-feira (29), o presidente Michel Temer (MDB) disse ter uma boa relação com o governador do estado Paulo Câmara (PSB). Por outro lado, o pessebista afirmou que Temer tentou confundir a população pernambucana fazendo tal declaração. 

Na conversa, após fazer elogios a Paulo Câmara, Temer disse ter um longo tempo de estrada na política e, por isso, entende a postura do candidato à reeleição. "Vamos compreender o governador, ele está em campanha eleitoral, me apoiou em todo o período desde a questão do afastamento da ex-presidente (Dilma Rousseff) , você verá que logo depois da eleição, ele se pacifica", garantiu Temer. 

Câmara reafirmou que nunca apoiou o atual presidente da República. Ele disse ainda que é opositor ao "modelo discriminatório e perseguidor" de governar de Temer. "O presidente Temer não tem o nosso apoio e nunca teve em nenhum dos momentos do seu Governo. Pelo contrário: éramos a favor de novas eleições (após o processo de impeachment da ex-presidente Dilma Rousseff). Não aceitamos cargos no governo dele. O PSB não aceitou, a Executiva do partido não aceitou", exaltou Câmara. 

O governador avaliou também como falta de sensibilidade do Governo Federal e do presidente Michel Temer, o desdém, que segundo Câmara, Michel tratou a necessidade de reestruturação dos municípios afetados pela enchente que atingiu a Zona Mata Sul, no primeiro semestre do ano passado.  "Estamos (o estado) fazendo parcerias com os municípios. Não tivemos apoio na reconstrução das casas. Não tivemos apoio com Cartão Reforma para as casas atingidas", registrou. Na entrevista, Temer citou o momento em que veio para Pernambuco por causa das chuvas. 

De acordo com Câmara, a discriminação do Governo Temer com a Região Nordeste foi explicitada, por Paulo, que lembrou que os governadores do Nordeste precisaram se unir para cobrar publicamente. 


Os comentários abaixo não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.