Eleições Haddad receberia 17% dos votos de Lula, segundo pesquisa CNT/MDA Pesquisa CNT/MDA também detalha o atual cenário de migração de votos do ex-presidente caso sua candidatura seja impugnada pelo TSE

Por: Diario de Pernambuco

Publicado em: 20/08/2018 11:39 Atualizado em: 20/08/2018 13:12

YASUYOSHI CHIBA / AFP
 (YASUYOSHI CHIBA / AFP
)
YASUYOSHI CHIBA / AFP
A pesquisa CNT/MDA apresentada nesta segunda-feira - e que mostra a liderança isolada de Lula no 1º turno (com 37,3% das intenções de voto) - também detalha o atual cenário de migração de votos do ex-presidente caso sua candidatura seja impugnada pelo Tribunal Superior Eleitoral.

Neste momento, o atual candidato a vice na chapa de Lula, o ex-prefeito de São Paulo, Fernando Haddad (PT) receberia apenas 17,3% das intenções de voto do ex-presidente - que acaba se diluindo entre os principais adversários. Depois de Haddad, Marina seria a maior beneficiada com 11,9%, seguida por Ciro Gomes com 9,6%. Maior opositor de Lula, Jair Bolsonaro ainda herdaria 6,2% das intenções de voto do petista. Também em lado oposto, Geraldo Alckmin ficaria com 3,7%. 

Já Guilheme Boulos, do PSol, único candidato que tem defendido a libertação e candidatura de Lula publicamente, só teria 0,8% da transferência de votos do ex-presidente. Neste cenário, 16,6% dos entrevistados se declaram indecisos e 31,3% votariam nulo ou em branco.

Foto: CNT/MDMA/Divulgação (Foto: CNT/MDMA/Divulgação)
Foto: CNT/MDMA/Divulgação



Os comentários abaixo não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.