Eleições 2018 Ciro usa Twitter para defender proposta de limpar nome de inadimplentes Ciro também usou o seu microblog para reiterar sua avaliação de que o teto dos gastos configura uma violência contra a população brasileira

Por: AE

Publicado em: 19/08/2018 15:54 Atualizado em: 19/08/2018 16:36

Foto: André Carvalho/CNI
Foto: André Carvalho/CNI

O candidato à Presidência da República Ciro Gomes (PDT) voltou a usar sua conta no Twitter, neste domingo, 19, para defender sua proposta de ajudar a limpar os nomes dos 63 milhões listados nos cadastros dos serviços de proteção ao crédito. 

"Nossa proposta de ajudar 63 milhões de brasileiros a limpar o nome tem causado incômodo em alguns setores menos sensíveis ao sofrimento do povo", postou o presidenciável ao mencionar coluna do jornalista Elio Gaspari, no jornal O Globo, comentando a proposta. No texto, Gaspari defende que o assunto merece ser debatido e que é preciso controlar a "demofobia" sobre o tema.

Ciro também usou o seu microblog para reiterar sua avaliação de que o teto dos gastos configura uma violência contra a população brasileira. "Ela congela por 20 anos os investimentos do governo em saúde, educação, segurança e tudo aquilo que é essencial para maior parte do nosso povo", escreveu o pedetista.

Na sequencia o candidato postou no Twitter um vídeo do momento em que ele critica o teto dos gastos, adotado pelo governo Temer durante o último debate de candidatos, na sexta-feira, na Rede TV!.


Os comentários abaixo não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.